Cidadeverde.com
Esporte

Gallardo diz que segue no River Plate e afasta interesse de Flamengo e Uruguai

Imprimir

O técnico do River Plate, Marcelo Gallardo, anunciou em entrevista coletiva nesta quarta-feira que renovará por, ao menos, uma temporada seu contrato com o clube argentino.

O treinador era alvo da seleção uruguaia, que anunciou a saída de Óscar Tabárez em novembro, e chegou a interessar ao Flamengo, após a demissão de Renato Gaúcho. Seu atual contrato se encerraria ao fim da atual temporada.

Gallardo está há sete anos no time argentino e ganhou treze títulos, promovendo uma soberania do time no país e no continente. Questionado sobre propostas, disse que não ouviu, mas agradeceu as oportunidades.

"Sinto que tenho que ficar por escolha e desejo. A vida te testa o tempo todo e pra mim foi importante. Recebi propostas que eu não ouvi, agradeci, mas me pareceu que valeu muito terminar o vínculo, ir até o fim e aí me sentir à vontade para descansar ou ouvir possibilidades. Mas nem pensei nisso isso", disse.

Do lado de fora do CT do clube, muitos torcedores cantaram pedindo sua permanência. Nesta quinta-feira, o River Plate comemora três anos da conquista da Copa Libertadores sobre o arquirrival Boca Juniors, uma data que virou de grande festa para a torcida.

Neste ano, Gallardo levantou pela primeira vez o troféu do Campeonato Argentino, a única conquista que faltava ao treinador em solo nacional. Após o título, deu sinais de que repensaria seu futuro no clube. A possibilidade de encerramento de ciclo chacoalhou o futebol argentino.

Como técnico do River Plate, Gallardo conquistou os títulos do Campeonato Argentino, Copa Argentina (3), Libertadores (2), Sul-Americana, Supercopa Argentina (2), Recopa Sul-Americana (3) e Copa Suruga.

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir