Cidadeverde.com
Últimas

Governadores pedem liberação de testes clínicos com medicamentos contra a covid

Imprimir

Foto: Arquivo/Cidadeverde.com

O Fórum dos Governadores do Brasil enviou ofício ao ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, solicitando a conclusão da análise, pela Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa), do pedido de autorização para a realização de testes clínicos com medicamentos contra a covid-19. O documento é assinado pelo governador do Piauí, Wellington Dias (PT), coordenador da temática de vacina e enfrentamento à Covid do Fórum.

“Os governadores dos entes federados brasileiros, visando a contribuir para o enfrentamento e a superação da atual pandemia, dirigem-se a vossa excelência, a fim de salientar a importância da conclusão da análise, pela Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa), o mais rapidamente possível, do pedido de autorização para a realização de testes clínicos com medicamentos contra a covid-19”, diz o documento.

De acordo com o ofício, os medicamentos são produzidos pelas farmacêuticas Pfizer e Astrazeneca. Os governadores pedem ainda a permissão para uso emergencial no país desses fármacos.

“Os quais, após aprovados, serão fundamentais para ampliar as opções disponíveis de tratamento da doença, a exemplo das experiências positivas observadas em outros países”, destaca o ofício.

Na semana passada, a Pfizer divulgou os resultados de um estudo que confirmam a eficácia do antiviral Paxlovid no tratamento da covid-19. Segundo comunicado, os testes indicaram que a pílula produzida pela farmacêutica reduziu em 89% o risco de internação ou morte em decorrência da doença entre os adultos mais vulneráveis ao vírus. A pesquisa de fase 2/3 que avaliou a eficiência do medicamento teve a participação de 2.246 adultos. 

Um outro estudo forneceu sinais de que o medicamento pode ajudar pessoas com baixo risco de desenvolver casos graves de covid-19, como indivíduos vacinados que acabam adoecendo. Na análise inicial, o Paxlovid diminuiu o risco de hospitalização e morte em 70% em adultos com essas características, embora não tenha conseguido reduzir ou resolver seus sintomas após quatro dias. 

Na tarde desta quarta, a Food and Drug Administration (FDA), agência reguladora americana equivalente à Anvisa, autorizou o uso emergencial do tratamento oral da Pfizer contra covid-19. A recomendação de administração do Paxlovid é para pacientes adultos e pediátricos (maiores de 12 anos com ao menos 40kg) com covid que tenham alto risco de desenvolver quadros graves da doença.

Hérlon Moraes (com informações da Folhapress)
[email protected]

Imprimir