Cidadeverde.com
Geral

Chef de cozinha morre após carro ser arrastado durante chuva na zona Leste

Imprimir

Foto: Arquivo pessoal 

Um chef de cozinha, identificado como João Marcelo, morreu na tarde deste sábado (01) após o carro onde ele estava ser arrastado pela correnteza e cair em um grotão no bairro Satélite, zona Leste de Teresina, devido a forte chuva que atingiu a capital.

O Cidadeverde.com também apurou que dentro do veículo ainda estavam outras cinco pessoas que conseguiram sair, com a ajuda de moradores da região. 

O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas ao chegar ao local do acidente já encontrou João Marcelo sem vida. 

Em nota, o restaurante Urbano, onde o chef de cozinha trabalhava, lamentou a morte precoce:

“João, Jota, Jhon, JM, Joãozinho… que falta vc vai fazer cara! Logo vc o cara mais firmeza da balada, o nosso psicólogo, mas que fazia os melhores rangos. Dono do sorriso mais sincero e do coração gigante. Que falta vc vai fazer cara!

Tá todo mundo aqui Jota, sem entender direito nada, mas queremos que vc saiba que vc é o CARA! Vamos te amar pra sempre e vamos sentir muito a sua falta. Vai em paz Coríntia!”

Nas redes sociais, amigos e familiares também lamentaram a morte de João Marcelo e publicaram homenagens. 

Transtornos

A forte chuva também causou bastante transtorno e alagamentos no bairro Jockey, zona Leste da capital. Com a força da correnteza, carros foram arrastados e outros ficaram ilhados pela ruas da região. 

Na Avenida Homero Castelo Branco, nas proximidades da obra da galeria da zona Leste, a força da água arrastou vários veículos. Motoristas precisaram ser resgatados com a ajuda de populares que passavam pelo local. 

Alerta de chuvas 

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu nesse sábado (01) um novo alerta laranja de chuvas intensas para o estado do Piauí. De acordo com o aviso, nas próximas 24 horas ocorrer chuvas com intensidade entre 30 e 60 milímetros/hora ou 50 e 100 milímetros/dia, além de ventos que podem chegar a até 100 km/h. 

O alerta do Inmet reforça a tendência de fortes chuvas nos primeiros dias de 2022, que já havia sido apontada em previsões recentes.

 

Rebeca Lima
redaçã[email protected] 

Imprimir