Cidadeverde.com
Geral

Polícia prende suspeito de dar golpes usando links e faturar R$ 300 milhões

Imprimir

A Gerência de Polícia Especializada do Piauí prendeu nas primeiras horas desta quarta-feira (13) um suspeito de integrar uma organização criminosa responsável por furtar aproximadamente R$ 300 milhões de contas bancárias. A prisão ocorreu no bairro Alto da Ressureição, zona Sudeste de Teresina.

A ação foi realizada em parceria com Polícia Civil do Distrito Federal, onde as investigações foram iniciadas em 2019.

De acordo com delegado Matheus Zanatta, a organização roubava dados e informações das contas bancárias das vítimas através de links.  

“Essa investigação iniciou-se no ano de 2019 pela Polícia Civil do Distrito Federal e verificou-se que uma grande organização criminosa com divisão de tarefas mandava links maliciosos para as vítimas fazendo o furto dos dados e informações bancárias e logo em seguida, faziam operações bancárias utilizando-se dos dados dessas vítimas”, explicou o delegado.  

Foto: Divulgação/PC-PI

Ainda segundo o gerente de Polícia Especializada, o suspeito era responsável por gerenciar a organização criminosa. O prejuízo causado pela quadrilha é de cerca de R$ 300 milhões.

“As primeiras prisões foram feitas no Distrito Federal, no final do mês de março e hoje no estado do Piauí fizemos a prisão desse indivíduo que era responsável por fazer a gerencia da organização criminosa”, acrescenta Matheus Zanatta.

Após a prisão, o indivíduo foi encaminhado à Central de Flagrantes de Teresina para os procedimentos legais e deverá ser transferido para o Distrito Federal na próxima semana.  

 

Rebeca Lima
[email protected]

Imprimir