Cidadeverde.com
Esporte

Ronaldo assina contrato de compra da SAF do Cruzeiro

Imprimir

O ex-atacante Ronaldo Nazário assinou o contrato de compra de 90% do Cruzeiro SAF. A partir de agora, o Fenômeno é oficialmente dono do futebol cruzeirense.

Foto - Gustavo Aleixo - Cruzeiro

O processo começou em 18 de dezembro e foram quase quatro meses entre as assinaturas do contrato de intenção de compra e o vínculo definitivo.

O anúncio oficial da assinatura foi feito pelo clube por meio de um comunicado na tarde desta quinta-feira (14).

No entanto, segundo o Cruzeiro, todos os trâmites se deram na última semana, sendo que o contrato definitivo entre as partes foi firmado na sexta-feira passada (8), após uma apresentação do modelo final a representantes do Conselho.

Com o negócio fechado, o clube pôde agilizar questões de urgência como o pagamento do transfer ban, que impedia o Cruzeiro de registrar atletas.

A situação começou a ser resolvida no mesmo dia, se estendeu pelo sábado e, na última segunda-feira (11), os jogadores contratados para a sequência da temporada começaram a ser registrados no Boletim Informativo Diário (BID), da CBF. 

Vale lembrar que o Cruzeiro precisou correr contra o tempo para quitar as dívidas, uma vez que a janela de transferências nacional fechou na última terça-feira (12).

Oficialmente dono do futebol do Cruzeiro, Ronaldo destacou a importância da resolução das pendências que impediam a assinatura definitiva do contrato no que diz respeita à segurança para realizar seu trabalho à frente da gestão.

"Seguimos mirando curto, médio e longo prazo. Temos diversas frentes com forte atuação e vejo perspectiva de um trabalho bastante difícil, mas que agora tem segurança contratual para funcionar e trazer resultados ao Cruzeiro. Me sinto honrado por poder liderar o processo de reconstrução do clube" garantiu. 

"A torcida, mercado e demais stakeholders podem ter certeza que não descansaremos até implementar amplamente um modelo de gestão eficiente, ético e que traga sucesso desportivo", explicou na nota.

O Cruzeiro se prepara para divulgar, na próxima semana, o novo organograma do clube. O contrato firmado entre as partes prevê aporte de R$ 400 milhões ao longo dos próximos cinco anos, sendo que Ronaldo precisará investir R$ 50 milhões de imediato.

No entanto, o Fenômeno já desembolsou aproximadamente R$ 40 milhões em pagamentos de dívidas das gestões anteriores que puniram o clube com o transfer ban.

Fonte: UOL/FOLHAPRESS

Imprimir