Cidadeverde.com
Entretenimento

Ex-BBB Rodrigo Mussi recebe alta médica após 28 dias internado

Imprimir

Foto: Lucas Ramos / AgNews

Rodrigo Mussi teve alta do Hospital das Clínicas, em São Paulo, nesta quinta-feira, 28. O ex-participante do Big Brother Brasil 22 estava internado desde o dia 31 de março, após sofrer um acidente de carro na Marginal Pinheiros, próximo da Ponte Eusébio Matoso.

De acordo com um boletim médico divulgado pela família, Mussi está "disposto e muito focado". Ele foi transferido para realizar a reabilitação intensiva em outro local.

O influenciador sofreu um traumatismo craniano e teve fraturas pelo corpo, mas conseguiu se recuperar. Ele passou por três cirurgias e teve alta da UTI na manhã do dia 20 de abril.

O gerente comercial estava em um carro de aplicativo no momento do acidente. O motorista afirmou, em entrevista à TV Globo, que pediu para Mussi colocar o cinto de segurança, o qual o ex-BBB não utilizou.

O condutor do veículo acredita que tenha cochilado ao volante antes de bater na traseira de um caminhão de soja. "Só vi o airbag na minha cara, provavelmente devo ter dado uma cochilada, sono, alguma coisa, e infelizmente teve esse acidente", disse o motorista à TV Globo.

Relembre a trajetória de Rodrigo Mussi

O início da vida de Mussi foi conturbado. O paulista, natural de São José dos Campos, no interior de São Paulo, foi expulso da casa da mãe aos 12 anos de idade. Só lhe restou a alternativa de morar com o pai, mas aos 18 anos, ele foi novamente expulso de casa. Tendo que se virar sozinho, o influenciador começou um estágio em um banco e com o dinheiro alugou sua própria casa e financiou a faculdade.

Aos 21 anos, tornou-se o gerente de banco mais novo do Brasil. Enquanto sua vida profissional decolava, na vida pessoal ainda havia problemas do passado a serem resolvidos. Quando a relação dele com o pai, que foi conturbada durante o período que viveram juntos, se estabilizava, Mussi viu seu parente próximo morrer em um acidente de carro.

"Ele começou a se reaproximar e me chamou para sair, me pediu desculpas, o que me pegou de surpresa. Nesse dia, resolvi segui-lo de carro até em casa. Vi ele bater, saí correndo, mas morreu no meu colo", disse o ex-BBB em entrevista ao Gshow.

Após a morte do pai, o modelo se mudou para a Austrália para estudar marketing e lá trabalhou como pedreiro, lavador de louça, bartender e chegou até mesmo a se casar com uma brasileira, se divorciando dois anos depois.

Participação no Big Brother Brasil

Rodrigo Mussi participou do BBB 22, sendo o segundo eliminado da edição. Desde o anúncio de sua participação, o brother chamou a atenção pela postura destemida, que se mostrou presente durante a breve passagem dele pelo reality. Mussi ficou conhecido por ter sede de jogo em uma edição marcada pelas relações apaziguadas e descompromissadas.

O modelo foi eliminado com 48,45% dos votos em um paredão que disputou entre as pipocas Jessi e Natália. Um dos pontos altos da participação de Mussi no programa foi o uso do termo pejorativo 'traveco', em uma conversa com Vinícius e Maria no quarto Lollipop. O gerente de contas se sentiu mal pela expressão e foi conversar com a camarote Linn da Quebrada, uma pessoa travesti, sobre o ocorrido.

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir