Cidadeverde.com
Últimas

Após aumento de casos, Teresina terá operação conjunta de combate à dengue

Imprimir

Foto: Divulgação/FMS

Após o aumento significativo de casos registrado em 2022, Teresina vai contar a partir da próxima segunda-feira (02) com uma operação conjunta de combate à dengue. Além dos órgãos municipais, o trabalho também vai contar com a participação de homens do Exército Brasileiro, reeducandos do sistema prisional e outras entidades. 

Segundo dados da Fundação Municipal de Saúde (FMS), a capital já registrou mais de 1200 casos de dengue desde o início do ano. O número representa um crescimento de mais de 700% comparado ao ano de 2021, quando houve apenas 168 notificações. 

De acordo com a Prefeitura, a operação começa a partir das 8h30, em bairros da zona Norte e vai acontecer de acordo com o mapa sanitário do Centro de Zoonoses da FMS. Além da dengue, a operação visa combater também a zika e Chikungunya. 

Ao todo, cerca de 300 pessoas entre agendes de saúde, agentes de limpeza, Exército e reeducandos com acompanhamento da Secretaria de Justiça do Piauí farão parte do mutirão de ação. Outras 1800 trabalhadores do Consórcio Teresina Ambiental (CTA) também estarão envolvidas

Segundo o gerente de Zoonoses, Paulo Marques, Teresina conta atualemente com 235 agentes de combate a endemias que já fazem visitas as residências e prédios públicos. 

 “Nessa operação vamos continuar fazendo esse serviço e ainda ganhamos ajuda importante de militares do exército para que o trabalho seja executado mais rapidamente. O importante é diminuirmos o número de mosquitos que estão sugando o sangue e contaminando as pessoas com o vírus da dengue, chikungunya e zika”, afirmou.

O Secretário de Desenvolvimento Urbano e Habitação (Semduh),Edmilson Ferreira, reforça a importância da força-tarefa que tem como finalidade barrar a proliferação da dengue.

“A operação inicia com as SAADs, atuando com o CTA que é a limpeza, o pessoal da saúde fazendo o fumacê onde tem que ser feito. A limpeza é fundamental para o combate ao mosquito e está sendo realizada em toda a cidade. Estamos contando com apoio dos reeducandos, exército, os agentes de saúde já estão realizando as visitas e todos os ambientes onde estão os focos que precisam ser eliminados”, ressaltou o secretário.

Durante a operação serão realizados divulgação, inclusive com carros de som nos locais onde as equipes atuarão naquele momento.

Sintomas e prevenção 

A Dengue provoca sintomas como dor nas articulações, no corpo, na cabeça, náuseas, febre acima de 39ºC e manchas vermelhas no corpo. 

A prevenção pode ser feita com práticas simples que evitam, principalmente, a reprodução do mosquito transmissor, através da eliminação de objetos que acumulem água parada.

 

 

Rebeca Lima
[email protected]

Imprimir