Cidadeverde.com
Últimas

PPP leva cinema gratuito para jovens da zona rural de Teresina

Imprimir

30 estudantes da Escola Família Agrícola do Soinho, localizada na zona rural de Teresina, assistiram ao filme “Por lugares incríveis” nesta sexta-feira (30). A ação foi promovida pela Piauí Conectado em parceria com o Conselho Estadual de Cultura e o Governo do Estado, com o intuito de democratizar o acesso à cultura. 

O filme exibido conta a história de dois adolescentes que enfrentam problemas como bullying e depressão. A exibição aconteceu no Centro Cultural “Professor Manoel Paulo Nunes”, na sede do Conselho Estadual de Cultura do Piauí, no bairro Vermelha. Em seguida, os alunos participaram de uma roda de conversa para discutir temas relacionados ao filme. 

Segundo a coordenadora de projetos sociais da Piauí Conectado, Charlene Queiroz, a internet é um importante instrumento de disseminação da cultura. “Por meio da parceria público-privado com o Governo do Estado, estamos construindo uma ampla rede de internet fibra óptica que vai beneficiar todo o Piauí. Mas enquanto empresa, sentimos que podemos contribuir mais ainda com a sociedade através de projetos sociais como este. É com muita felicidade que estamos retornando com o Projeto Cine Sul, uma ação pensada com muito carinho para tornar o cinema mais acessível para todos”, afirma. 

A coordenadora do Centro Cultural Manoel Paulo Nunes, Poliana Sepúlveda, enfatizou a importância da iniciativa. “É importante demais porque não traz somente a oportunidade para pessoas que não têm acesso à cultura. Possibilita também a oportunidade de terem uma experiência completa com o cinema. O aluno não se coloca apenas como expectador, ele entende que pode fazer parte disso tudo”, explica. 

Estudante do 1° ano do Ensino Médio, Nágila Rocha, de 15 anos, elogiou a iniciativa e contou que o filme trouxe reflexões importantes sobre saúde mental. “Eu só tenho a agradecer a oportunidade de conhecer a Piauí Conectado e fazer parte deste projeto tão importante”, destaca.

O Projeto Cine Sul conta com o apoio do Governo do Estado. “É muito importante uma ação como essa. Nossa governadora Regina Sousa defende muito o olhar para essas pessoas que ela chama de invisíveis. Essa é a primeira de uma série de ações para incluir esses alunos tanto no mundo digital quanto no âmbito da cultura”, destaca a gerente de Relações Sociais do Governo do Estado do Piauí, Raimunda Costa.

Da Redação
[email protected]

Imprimir