Cidadeverde.com
Últimas

Torcedores esperam mais de 1 hora na fila para jogo entre Altos-PI e Flamengo

Imprimir
  • IMG_5781.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • IMG_5810.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • IMG_5770.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • IMG_5757.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • IMG_5722.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • IMG_5688.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • IMG_5675.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • IMG_5671.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • IMG_5642.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • IMG_5636.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • IMG_5627.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • jogo_1.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • jogo_2.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • jogo_3.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • jogo_4.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • jogo_5.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • jogo_6.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • jogo_7.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • jogo_8.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com

O público que foi ao estádio Albertão, em Teresina, para assistir à partida entre Altos-PI e Flamengo demorou mais de uma hora para conseguir chegar às arquibancadas.

O farmacêutico Victor Rodrigues viajou de Oeiras até a capital para ver o rubro negro carioca pela primeira vez. Ele relatou ao Cidadeverde.com que estava há mais de uma hora na fila.

“Saí de Oeiras por volta de 8h30 e cheguei em Teresina 12h30. Já estou esperando pra entrar no estádio há mais de uma hora, mas espero que dê tempo entrar antes do jogo começar. É a primeira vez que vejo o mengão, estou muito ansioso. Espero um placar de 5x0 para o Flamengo”, disse o oeirense.

Os portões do Albertão foram abertos à torcida por volta de 13h. Foram disponibilizados 25 mil ingressos para a partida.

Apesar dos flamenguistas serem maioria, muitos torcedores do Altos-PI também compareceram ao Albertão. Um deles é Francisco Bastos, teresinense que parabenizou o desempenho da equipe piauiense até aqui na Copa do Brasil.

“Para gente é um grande evento e como piauiense, mesmo nosso time sendo pequeno comparado ao Flamengo, temos muita coragem. Na minha opinião já somos vitorioso, só de trazermos essa multidão para cá. Independente do resultado já é uma vitória”, declarou o torcedor.

Policiamento

De acordo com o Governo do Piauí, ao todo, 216 policiais militares e 35 viaturas farão a operação de segurança no Estádio Abertão na partida de hoje. Segundo o comandante da Força-Tarefa, Major Audivan Nunes, o policiamento segue antes, durante e após o término do jogo.

“Nós estamos aqui desde ontem, agora na hora do jogo estamos aqui e depois também, na dispersão da população, nós estaremos também fazendo ronda, policiamento, nossas viaturas estão postadas nas paradas de ônibus, nas ruas, ou seja, nós fizemos um planejamento para manter a ordem e tranquilidade e isso, pode ter certeza, que nós vamos fazer”, pontua o comandante.

Além da Polícia Militar, equipes da Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Bptran, Strans e Guarda Civil Municipal farão a segurança interna e externa das pessoas. O plano de segurança conta ainda com o apoio de cinco ambulâncias do Samu.

Sem ocorrências e incidentes 

Mesmo com uma grande multidão de torcedores no entorno do Albertão, os agentes que fazem a segurança do evento esportivo não registraram nenhuma ocorrência até o início da partida.

“Até o presente momento nada aconteceu. Está tudo tranquilo, dentro da normalidade do que já era esperado pela Polícia Militar do Piauí. Estamos preparados com efetivo suficiente para mantermos a ordem e a tranquilidade”, afirmou o major Audivan. 

 

 

Breno Moreno e Rebeca Lima
[email protected]

 

Imprimir