Cidadeverde.com
Picos

Jornalista comenta sobre Liberdade de Imprensa nos tempos atuais

Imprimir

Foto: Arquivo Pessoal/Jailson Dias

Jornalista Jailson Dias

Nesta terça-feira (03) é celebrado o Dia Mundial da Liberdade de Imprensa. Sobre o tema, a reportagem do cidadeverde.com/picos entrevistou o jornalista e professor universitário, Jailson Dias, que comentou sobre o exercício da profissão nos tempos atuais.

Neste ano, a data reflete o tema proposto pela Unesco: Jornalismo sob cerco digital: a era digital e o impacto na liberdade de expressão, na segurança dos jornalistas, no acesso à informação e na privacidade.

Segundo o jornalista Jailson Dias, os profissionais da imprensa têm atuado em meio à perseguições, agressões e tentativa de censura.

"Os jornalistas são o termômetro da democracia, pois quando há liberdade de imprensa, significa que a democracia está bem. Esse pensamento tem quase 200 anos e foi cunhado por Cipriano Barata, que passou boa parte da sua vida preso por denunciar os erros do Primeiro Reinado. Vemos que mesmo na atualidade a perseguição contra a imprensa continua, com a agressão de figuras públicas a jornalistas, com a consequente tentativa da censura. O Brasil decaiu muito nesse sentido nos últimos três anos, com a perseguição a profissionais. Dados de instituições internacionais revelam isso”, disse jornalista.

Jailson Dias ainda enfatiza que os jornalistas devem seguir firmes no propósito de levar a informação com responsabilidade.

“Portanto, devemos seguir firmes, publicando o que muitas vezes vai ferir o interesse de poderosos, sempre primando pela responsabilidade. Se há denúncias de injustiças sociais e corrupção é porque a imprensa pode denunciar, e esse direito deve ser defendido a todo custo”, concluiu.

Flash Paula Monize
paulamonize16gmail.com

Imprimir