Cidadeverde.com
Entretenimento

Claudia Leitte comemora reencontro com público: 'Eu gosto é de gente'

Imprimir

Foto: Paula Fróes/Estadão Conteúdo

A cantora Claudia Leitte, 41, não escondeu a felicidade do reencontro com o seu público com a retomada da sua agenda de shows, no final do ano passado, após dois anos de pandemia. Ela afirmou durante evento de lançamento de um produto da Braé, em São Paulo, esta terça (4), que sentia muita falta do contato com as pessoas.

Claudia falou que durante a pandemia não teve live ou reunião de zoom que substituísse a troca de experiência presencial com as pessoas. "Eu gosto é de gente, eu tenho prazer em ver gente. Eu não vim aqui [no evento] para fazer meu trabalho, eu vim aqui porque Deus marcou um encontro entre mim e essas pessoas. Eu sempre acreditei nisso."

Ela revelou que foi sensacional "botar a cara na rua" novamente para fazer shows, mas admitiu que estava um pouco pensativa se os shows de fato aconteceriam depois de tantos recuos e retrocessos devido a pandemia. "Tive um deleite, eu fui fazer um show em Santa Inês, no Maranhão, que foi um negócio assim impressionante, espetacular, porque era gente de novo, não é assim vai fazer um show", diz, animada.

Apesar da felicidade com a volta dos shows, Claudia admitiu que ainda não superou o cancelamento este ano do Carnaval de Salvador devido ao coronavírus. Ela falou que está morrendo de saudade de cantar no trio elétrico. "Eu estou sentindo falta do meu Carnaval, eu estou sentindo muita falta. Se você quer saber a verdade, eu estou morrendo de saudade. Não aguento mais. Se Deus quiser vai ter já."

Sobre não ter feito shows em nenhum dos camarotes no Carnaval fora de época em São Paulo e Rio de Janeiro, a cantora explicou que havia sido contratada antes da pandemia para se apresentar nos parques da Disney, nos Estados Unidos. "Graças a Deus a gente pôde fazer os shows."

Otimista, a cantora afirma que tem visto muitas coisas boas acontecendo neste pós-pandemia e acredita que tudo vai melhorar. "Eu posso dizer que tem muita coisa boa para vir, a gente tem que ter muita fé porque já ,já, vai ter muita razão para celebrar se Deus quiser, só perseverar."

 

Fonte: Folhapress

Imprimir