Cidadeverde.com
Cidades

Governo do Piauí entrega projeto de avicultura em Demerval Lobão

Imprimir

O Governo do Piauí, por meio da Secretaria da Agricultura Familiar (SAF-PI), realizou a entrega de um projeto de investimento produtivo para a Associação dos Pequenos Produtores do Povoado Espraiado, no município de Demerval Lobão, na tarde desta quarta-feira (11). O plano de investimento é resultado de um acordo de empréstimo do Governo do Estado com o Banco Mundial, por meio do Programa de Geração de Emprego e Renda no Meio Rural (Progere II), e tem como foco o fortalecimento de quintais produtivos das famílias e a criação de galinha caipira.

O investimento total foi de R$ 192.730,48, que propiciou a aquisição de 980 cabeças de pintos canela preta, implantação de quatro módulos de produção irrigada de hortaliças, implantação de unidade de produção de ração, aquisição de kit de informática e instalação de 20 aviários. A assistência técnica ficou sob a responsabiliadade da Emplanta.

Participaram da visita de entrega do projeto, a diretora-geral do Progere II, Janaína Mendes, e o técnico da Emplanta, Raimundo Lustosa. “Para nós é uma satisfação constatar que o projeto aqui no Povoado Espraiado impactou na vida das vinte famílias atendidas pelo Progere II. Com esse apoio da SAF, somado à assistência técnica, as famílias aumentam a produção e a comercialização, seja para o mercado local ou mesmo para o próprio Governo do Estado, por meio do Programa de Alimentação Saudável (PAS)”, comenta Janaína Mendes.

De acordo com o presidente da associação, Edmar Gomes, os resultados são animadores. “Estamos muito felizes com a conclusão desse projeto do Progere II aqui. Muitas famílias já estão comercializando as galinhas da segunda geração. Além disso, produzimos cerca de oito toneladas de ração, que pode ser comercializada e gerar renda também. Só temos a agradecer ao Governo do Piauí por investir na agricultura familiar”, pontua.

O Programa de Geração de Emprego e Renda no Meio Rural (Progere II) faz parte do Projeto Pilares de Crescimento e Inclusão Social, por meio do acordo de empréstimo com o Banco Mundial. Executado pela Secretaria de Estado da agricultura Familiar (SAF), tem como objetivo aumentar a renda dos(as) pequenos(as) produtores(as) rurais em situação de pobreza.

O programa atende 68 municípios de três Territórios de Desenvolvimento do Estado, sendo eles: Território dos Cocais, Carnaubais e Entre Rios, por meio da concessão de incentivos financeiros aumento da produção, racionalização e eficiência do uso de recursos naturais e energéticos, proteção ambiental e acesso aos mercados de comercialização.

Da Redação

Imprimir