Cidadeverde.com
Esporte

“Só lembrei do meu pai”, diz Eduardo após homenagens do Guingamp, ex-clube na França

Imprimir

O atacante Eduardo dos Santos nos últimos dias recebeu uma grande homenagem na França, do seu ex-clube, Guingamp pelas conquistas e em especial pelo título da Copa da França no ano de 2009. De volta ao Piauí, Eduardo narrou o peso dessas homenagens em sua carreira e fez questão de frisar sua felicidade em ter vivido um momento tão grandioso dentro do esporte que ama e se dedica desde criança. 

“Um momento único, inesquecível e que mostra o que eu realmente representei nesse esporte que eu amo tanto que é o futebol e é sempre um prazer está nesse momento e homenageado em vida não tem coisa melhor”, afirmou o atacante Eduardo dos Santos.

Revelado pelo Flamengo do Piauí, no ano de 2001, Eduardo deixou o estado no mesmo ano e logo começou uma carreira solida, longa e marcada por títulos na Europa. Ao total, foram 13 anos fora do país. O piauiense que hoje defende o Fluminense, relembra com muito carinho os momentos com a camisa do clube francês e em especial de ter ajudado e levar o time visto como ‘zebra’ nas competições ao título. Edu, foi campeão da Copa da França em 2009 como protagonista, pois foi autor de dois gols na grande final.

Foto: Arquivo Pessoal

“Nesses momentos eu só lembrei do meu pai, pois se não fosse por ele eu não teria realizado esse meu sonho de ser jogador de futebol. Dele e do meu avô”, disse Eduardo dos Santos.  

Eduardo passou quase 10 dias na França e teve oportunidade de conhecer as novas dependências do clube em o que não faltam são homenagens através de imagens do ídolo piauiense. Além disso, aproveitou o período fora do país para saber como vem sendo realizado o trabalho no futebol francês, desde categorias de base, futebol feminino e profissional. 

“Em todos os lugares do clube, todas as dependências tem fotos minhas. Alguns membros do clube até brincaram dizendo que todo dia me veem, pois onde andam tem foto minha e fico muito feliz. Passa um filme na nosso camisa e hoje, depois que passei por tudo isso eu entendo mais o que eu representei do que na época em que eu estava jogando no Guingamp. Depois de mais de 10 anos você ver tudo aqui é sensacional”, acrescentou o piauiense, ídolo do clube francês.
 
Eduardo retornou ao estado e também aos treinos com o Fluminense-PI, clube do estado que tem contrato até o final da temporada e está ajudando o grupo na busca pelo acesso até a Série C do Brasileiro. O time tem compromisso pela Série D neste sábado (28) quando recebe o Pacajus, em Teresina. 

 


Pâmella Maranhão
[email protected]

Imprimir