Cidadeverde.com
Geral

Produtor Cultural Walfrido Salmito morre aos 63 anos em Teresina

Imprimir

Foto: arquivo pessoal


Um dos produtores culturais mais atuante do estado, Walfrido Salmito morreu na noite desta segunda-feira (30), no hospital São Marcos.

O sobrinho de Salmito, o médico infectologista Walfrido Salmito informou ao portal Cidadeverde.com que o tio foi internado na última quarta-feira com febre e dores pelo corpo.

“Ele estava com uma arbovirose que poderia ser a chikungunya, dengue ou zika, teve complicações renais, inclusive neurológica, chegou a ser intubado, mas se agravou com infecção generalizada”, disse o médico, que chegou a acompanhar o tio. 

Walfrido era apaixonado pelas artes, a cultura piauiense. Seu último trabalho foi a curadoria da exposição do fotógrafo Aureliano Muller na Casa Sá Carlotinha, na praça João Luís Ferreira, Centro de Teresina. O produtor cultural realizou várias exposições no espaço Sesc e trabalhava em parceria com escolas levando estudantes de várias idades para visitação de pontos culturais. 

Ele era professor do grupo de teatro Caneleiro, formado pelas idosas que frequentam o Sesc. Salmito introduziu as aulas de teatro para melhor idade na instituição. 

A família informou que o velório acontecerá na funerária Lótus, proximo ao hospital São Marcos, a partir de meia noite. O sepultamento será nesta terça-feira (31), a partir das 10h, no cemitério São José.

Assista reportagem:

 

O diretor do Teatro 4 de Setembro, João Vasconcelos, lamentou a morte de Salmito. 

 

 

 

Flash Yala Sena
[email protected]

Imprimir