Cidadeverde.com
Esporte

Grêmio empata metade dos jogos e fica 75% da Série B fora do G4

Imprimir

Doze jogos e seis empates. A campanha do Grêmio no início da Série B do Brasileiro é marcada pelos placares iguais. Nesta segunda-feira (13), diante do Sport, o time de Roger Machado empatou de novo e não voltou ao topo da tabela.

Já são seis rodadas fora do G4 e a pressão sob o trabalho volta a surgir, mas com menor intensidade.

Na próxima rodada, o Grêmio recebe o Sampaio Corrêa. O jogo deste sábado (18), às 11h (horário de Brasília) pode devolver o time ao G4. Para tanto, o resultado precisa ser diferente da maioria das vezes até aqui. Além disso, o clube torce pelo tropeço do Sport diante do Náutico, no clássico pernambucano.

O Grêmio é atualmente quinto colocado, com 18 pontos, e esteve entre os quatro primeiros somente em três rodadas. Ou seja, ficou fora da zona de acesso à elite do Brasileiro em 75% do campeonato, até aqui.

A aparição no G4 foi entre a quarta e sexta rodadas da Série B, quando o Grêmio venceu o Operário, fora de casa, ganhou do CRB, em Porto Alegre, e perdeu para o Cruzeiro, em Belo Horizonte. A derrota em Minas Gerais tirou o time da liderança e o empurrou para o quarto lugar.

De lá para cá, a melhor colocação foi em quinto na tabela.

Os números do Grêmio na Série B saltam aos olhos. Em 12 jogos, o time conseguiu quatro vitórias, seis empates e duas derrotas. Ao mesmo tempo em que é um dos que menos perdeu, é o com pior número de vitórias entre os times do topo da tabela. 

São nove gols marcados, o segundo pior ataque depois de Sport, CRB, CSA, Ponte Preta, Chapecoense, Guarani e Vila Nova, todos empatados com oito gols. A defesa, por outro lado, tem somente quatro gols sofridos. Disparado o melhor desempenho do campeonato.

Um argumento gremista para falar sobre a campanha é a agenda de jogos. Até aqui, o time atuou sete vezes fora de casa na Série B. Os duelos com Cruzeiro, Vasco e Sport, todos no G4, foram como visitante.

O confronto com o Bahia, outro time da ponta de cima, também será longe de Porto Alegre no primeiro turno.

Para buscar a vitória neste sábado, o técnico Róger Guedes terá o retorno de Diego Souza e Bruno Alves, que desfalcaram o time na última rodada.

Por outro lado, o time não poderá contar com o zagueiro Kannerman, que cumpre suspensão após ser expulso na última rodada, com o lateral Edílson e com o centroavante Elkerson, que tiveram lesões musculares constatadas nesta semana. 

Uma provável escalação inicial do Grêmio tem: Brenno; Bruno Alves, Geromel e Rodrigues; Jhonata Varela, Villasanti, Bitello e Nicolas; Janderson, Gabriel Teixeira e Diego Souza.

O Sampaio Corrêa, por sua vez, será desfalcado pelo atacante Pimentinha, o lateral-esquerdo João Victor e o meia Soares, todos afastados por um quadro de virose.

O meia Rafael Vila cumpre suspensão, e também não poderá jogar. Uma provável escalação do técnico Léo Condé tem: Luiz Daniel; Maurício, Alan Godói, Nilson Júnior e Lucas Hipólito; André Luiz, Ferreira e Eloir; Mateusinho, Gabriel Poveda e Ygor Catatau.

Fonte: UOL/FOLHAPRESS

Imprimir