Cidadeverde.com
Cidades

Agricultor faz apelo para que criminosos devolvam fotos furtadas em arrastão

Imprimir

Foto: Nataniel Lima / Cidadeverde.com 


O agricultor familiar Cirilo Sousa, natural de Alagoinha do Piauí (388 km de Teresina), faz um apelo para que os responsáveis pelo arrastão em sua residência devolvam as fotos de suas filhas e a escritura da casa, roubadas na noite do dia 23 de junho após um arrastão em sua residência. 

Cirilo Sousa é casado e tem três filhas, a Marina Sofia de 9 anos, a Samantha Lorrany de 6 anos e o Lorran Gabriel de 3 anos. O agricultor passa a maior parte do tempo longe da família. Já que costuma estar em Teresina acompanhando pacientes em hospitais na capital. 

Por conta disso, a casa de sua família fica vazia. A mulher e as crianças, para não ficarem sozinhas, ficam na casa da avó materna dos filhos de Cirilo. 

“Minha esposa costuma ir na casa só para limpar. No dia 24, ela foi pegar umas roupas, porque a casa da minha sogra é pequena. Lá, viu tudo revirado. Levaram tudo. Até o vaso sanitário eles levaram no arrastão”, afirmou Cirilo Sousa. 

Entre os objetos levados pelos criminosos, segundo o agricultor, estão as fotos de suas filhas e a escritura da casa. Para ele, os bandidos estarem com essas fotos é um perigo porque eles podem “fazer maldade com a imagem das crianças”. 

Foto: Nataniel Lima / Cidadeverde.com 

“As fotos só servem para o dono. Tenho medo do que podem fazer com as fotos. Do jeito que está a safadeza hoje. Quero as fotos para que não façam mal para as minhas filhas. Ofereço recompensa para quem encontrar ou devolver”, pontuou Cirilo Sousa. 

Quem tiver qualquer informação sobre o paradeiro da escritura em nome de Cirilo Sousa ou das fotos das filhas do agricultor, entre em contato através do WhatsApp 86 98194-3947. 

 

Nataniel Lima
[email protected] 

Imprimir