Cidadeverde.com
Esporte

Com Maracanã lotado, Vasco e Sport fazem jogo 'pegado' e ficam no empate

Imprimir

Em um Maracanã lotado, o Vasco tentou, mas não conseguiu se impor diante do Sport. Em um jogo equilibrado neste domingo (3), as equipe ficaram no empate sem gols no duelo que marcou a estreia do técnico Lisca no comando do Leão.

Foto - Daniel Ramalho - Vasco

Com o resultado, a equipe cruz-maltina que perdeu a invencibilidade na última rodada chega a 31 pontos e se mantém na segunda colocação, atrás do Cruzeiro, que tem 37 e um jogo a menos. Os pernambucanos, agora, têm 22 e ainda estão na briga para se aproximar do G4.

Na próxima rodada, o time da Colina visita o Criciúma, enquanto o Sport recebe o Londrina. Os dois jogos vão acontecer no sábado.

O jogo aconteceu no Maracanã após uma polêmica nos bastidores e um imbróglio judicial. A situação, inclusive, rendeu protestos e provocações dos torcedores.

Sem Anderson Conceição, Gabriel Dias e Nenê, o Vasco foi a campo com novidades, como o zagueiro Boza e o meia Palacios. O lateral-direito Léo Matos, que não atuava desde a semifinal do Carioca, foi o escolhido para a ala. 

O time de Maurício Souza começou com uma marcação intensa e com presença no campo de ataque, mas sem conseguir criar chances muito claras de gol. O Cruz-Maltino, inclusive, demonstrou dificuldade em algumas tomadas de decisão no chamado "último terço" e nas finalizações.

O Sport começou o jogo meio acuado e com dificuldades na saída de bola, diante da marcação adversária. Aos poucos, conseguiu desafogar o setor defensivo e ganhar campo, mas não conseguiu construir muitas oportunidades.

No segundo tempo, o Vasco tentou praticar o mesmo ritmo do início do jogo, mas o ímpeto durou pouco. Ao mesmo tempo que tentava ir à frente, dava espaços ao adversário.

O rival apertou um pouco mais a marcação e teve boa presença no meio de campo. Quando tinha a posse de bola, buscava passes mais laterais, sem muita agressividade para chegar ao ataque.

Ao apito final, a torcida vaiou o time e protestou contra o técnico Maurício Souza, que chegou recentemente ao clube e com certa resistência por parte dos vascaínos.

O jogo também marcou o reencontro do Vasco com Lisca. O treinador, recém-anunciado pelo Sport, comandou o time cruz-maltino em 12 partidas no ano passado entre a Série B e Copa do Brasil. O trabalho na Colina, inclusive, foi o último antes dele desembarcar na Ilha do Retiro.

Fonte: UOL/FOLHAPRESS

Imprimir