Cidadeverde.com
Esporte

Neymar brilha e comanda vitória do PSG sobre o Clermont no início do Francês

Imprimir

Depois de marcar dois gols na goleada por 4 a 1 sobre o Nantes na conquista do título da Supercopa da França, Neymar começou a disputa do Campeonato Francês brilhando. 

Com um gol e três assistências do astro brasileiro, o Paris Saint-Germain venceu o Clermont por 5 a 0 neste sábado, em jogo válido pela primeira rodada da liga francesa, no estádio Gabriel-Montpied, casa dos adversários.

Messi também se destacou, com dois gols, um deles de bicicleta, e Mabppé não jogou, já que se recupera de um desconforto na coxa.

Declaradamente focado em chegar à Copa do Catar dentro da melhor forma possível, Neymar mal pisou no gramado em Clermont e já deu sinais de que seria o protagonista do dia, ao assustar o goleiro Diaw com um chute rasteiro.

Então, na segunda tentativa, recebeu cruzamento por baixo de Hakimi e acertou a rede para abrir o placar. A partir daí, assumiu o papel de garçom e apenas serviu os companheiros.

A primeira assistência de Neymar foi uma retribuição a Hakimi, que recebeu do camisa 10 após tabela com Messi e entrou livre na área antes de acertar o ângulo de Diaw.

Pouco antes do fim do primeiro tempo, aos 38, o atacante da seleção brasileira mostrou sua técnica apurada na bola parada, em cobrança de falta. O desfecho foi um gol de cabeça do compatriota Marquinhos.

No segundo tempo, o domínio parisiense continuou, e o entrosamento de Messi e Neymar envolvia o fragilizado adversário, que pouco fez para reagir. O quarto gol demorou um pouco para tomar forma, mas saiu aos 34. 

Desta vez, Messi se virou na jogada individual, tabelou com Neymar e marcou. Nos minutos finais, o argentino acabou roubando a cena, pois voltou a balançar as redes, de bicicleta, aos 40 minutos, ao aproveitar um lindo lançamento de Paredes.

Na expectativa por mais um show da parceria brasileira e argentina, a torcida do PSG terá de esperar uma semana, até o próximo sábado, para vê-los em ação novamente, em duelo com o Montpellier, pela segunda rodada do Francês.

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir