Cidadeverde.com
Últimas

Postes impedem construção de galeria na duplicação da BR-343

Imprimir

Foto: divulgação DER-PI

Representantes do Departamento de Estradas de Rodagem do Piauí (DER-PI), do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) e Equatorial realizaram, nesta quarta (10), visita técnica à duplicação da BR-343, na saída de Teresina. O objetivo dos órgãos federal e estadual é reforçar o pedido de retirada de postes de iluminação junto à concessionária de energia do local onde será construída uma galeria, próximo a condomínio de casas localizado às margens da rodovia.

Elaborado pelo Governo Federal e executado pelo DER-PI, o projeto de duplicação da BR-343 prevê ações de drenagem da água pluvial, entre elas, a construção da galeria após o balão da Ladeira do Uruguai, na zona Leste da capital. “A construção desta estrutura depende, sobretudo, da realocação dos postes de energia que ficam na beira da pista e impedem o início das obras”, explica o diretor-geral do DER-PI, Felipe Eulálio.

Segundo o gestor, o foco é evitar os alagamentos na região durante o período chuvoso. “Por isso, é importante que a Equatorial realize esse trabalho o quanto antes para que nossas equipes possam concluir a estrutura antes das chuvas começarem em Teresina e evitar transtornos aos cidadãos”, acrescente Felipe Eulálio. 

Na segunda-feira (08), membros do DER-PI, Dnit e Equatorial estiveram reunidos, na sede da empresa, para discutir a pauta. A concessionária alega que irá avaliar possíveis mudanças no projeto para retirada dos postes, que pode levar cerca de 60 dias. 

Além da realocação dos postes de energia elétrica, o DER-PI também aguarda a expedição de licença ambiental por parte da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semam) para iniciar as obras da galeria.

Da Redação
[email protected]

Imprimir