Cidadeverde.com
Esporte

São Paulo empata com o América-MG e garante vaga na semfinal da Copa do Brasil

Imprimir

O São Paulo está nas semifinais da Copa do Brasil pela sexta vez em sua história e segue firme na tentativa de conquistar o seu primeiro título do torneio.

Foto - Rubens Chiri - saopaulofc.net

Ontem, no estádio Independência, em Belo Horizonte, a equipe empatou com o América-MG por 2 a 2, com dois gols do atacante Luciano, e agora vai encara o Flamengo na luta por um lugar na decisão.

A outra semifinal será entre Fluminense e Corinthians e a CBF sorteia hoje os mandos de campo da próxima fase, que começa já na semana que vem.

Além da vaga na semifinal, o São Paulo embolsou R$ 8 milhões por avançar às semifinais. O time tentará retornar à final da Copa do Brasil após 22 anos - no ano 2000, o Tricolor chegou na decisão mas foi superado pelo Cruzeiro.

Em campo, o São Paulo chegou a esboçar um jogo tranquilo. O time abriu 2 a 0 no primeiro tempo, mas depois desacelerou, viu o América-MG diminuir no final da primeira etapa.

No segundo tempo, os mineiros empataram e buscaram a virada que levaria a partida para os pênaltis, mas mesmo com um a menos o time de Rogério Ceni se segurou e conseguiu avançar para a semifinal.

O São Paulo começou o jogo em cima do América-MG, pressionando o rival em seu campo de defesa. O time colocava a bola no chão, marcava muito bem e buscava os espaços na defesa do time mineiro

Com o domínio da partida, o São Paulo abriu o placar aos 22 minutos. Após um perde e ganha, a bola sobrou para Rodrigo Nestor, que tocou de primeira e encontrou Luciano bem posicionado. O atacante ajeitou a bola, bateu firme e marcou o primeiro gol do Tricolor no jogo.

O São Paulo continuava em cima. Aos 27, Igor Gomes acionou Calleri. O argentino tocou para Luciano, que rolou para Reinaldo finalizar - a bola explodiu na defesa e voltou para o lateral, que depois chutou por cima do travessão.

Mas logo depois o time de Rogério Ceni chegou ao segundo gol. O São Paulo aproveitou a saída errada do América-MG e contra-atacou com velocidade.

Calleri dominou a bola após um chutão da zaga e tocou para Luciano. Ele fintou Iago Maidana e bateu no canto esquerdo de Matheus Cavichioli para ampliar.

O jogo do América-MG não se encaixava por nada até que já na parte final da primeira etapa, Iago Maidana avançou pelo meio e, sem marcação, arriscou para o gol. Jandrei espalmou para escanteio, mas o lance acordou o time mineiro.

Após a cobrança de escanteio, Maidana cabeceou, a bola bateu no braço direito de Reinaldo e após análise do VAR (Árbitro de Vídeo), o pênalti foi assinalado. Wellington Paulista bateu com muita categoria e diminuiu a desvantagem do time mineiro.

O América-MG voltou para o segundo tempo mais ofensivo, mas logo no primeiro minuto, o São Paulo quase ampliou com chute de Rodrigo Nestor que Cavachioli defendeu.

O jogo ficou perigoso para o São Paulo aos 12 minutos. Everaldo foi lançado pela direita e sofreu falta de Miranda - o zagueiro recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso.

De tanto pressionar, o América-MG chegou a empate aos 20 minutos Pedrinho fez ótima jogada pela esquerda e cruzou na medida para Everaldo, de primeira, com o lado de fora do pé, mandar para o fundo do gol de Jandrei - 2 a 2.

Depois disso, Rogério Ceni tratou de reforçar o sistema defensivo. Com cinco alterações, travou o América-MG e levou o empate e a classificação para casa. O sonho do título inédito continua vivo no Morumbi.

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir