Cidadeverde.com
Esporte

Corinthians começa sequência decisiva enfrentando Fortaleza neste domingo

Imprimir

A classificação na última quarta-feira (17) fez o Corinthians renascer na temporada depois de uma semana dura, dentro e fora de campo.

Ao golear o Atlético-GO por 4 a 1 e se classificar na Copa do Brasil, o time alvinegro apagou o incêndio da eliminação na Libertadores e da derrota no clássico e abriu caminho para o clube olhar para frente.

Pensando para a frente, o Corinthians agora tem uma visita ao Fortaleza às 18h (de Brasília) deste domingo (21), na Arena Castelão, em Fortaleza (CE), pelo Campeonato Brasileiro. Na competição nacional, o time ocupa a terceira posição com 39 pontos, e busca a vitória para defender a permanência no G4.

Depois disso, o clube alvinegro volta a pensar na Copa do Brasil: o primeiro jogo da semifinal contra o Fluminense é na próxima quarta-feira (24).

O sorteio do mando de campo das semifinais da ocorreu nesta sexta-feira (19), na sede da CBF, no Rio de Janeiro. Ex-treinador e campeão do mata-mata nacional pelo time alvinegro em 2002, Carlos Alberto Parreira sorteou a bolinha de número quatro, que determinou que o Corinthians decida a vaga na final contra o Fluminense, na Neo Química Arena, no dia 14 de setembro.

Até lá, o time alvinegro terá uma nova sequência de partidas decisivas, que podem definir o rumo da equipe não só no restante da temporada, mas também na sequência para 2023. Caso não consiga a vaga para a próxima Copa Libertadores via Campeonaro Brasileiro, o time alvinegro vê a Copa do Brasil como um caminho mais curto para chegar ao principal torneio do continente.

Após visitar o Fortaleza neste domingo, o Corinthians retorna à região sudeste para encarar o Fluminense, no Maracanã, pelo jogo de ida do mata-mata nacional na quarta-feira (24). Na sequência, o time comandado por Vítor Pereira ficará pelo menos dez dias em São Paulo, onde terá tempo para treinar -coisa que ficou fora da agenda do time por falta de tempo.

Já no próximo sábado (27), o Corinthians recebe o Red Bull Bragantino pela 24ª rodada do Brasileiro, pensando em manter a perseguição aos líderes Palmeiras e Flamengo. Três dias após o aniversário do clube, dia 1º de setembro, o Corinthians recebe o Internacional em Itaquera, rival direto na briga pelo G6. Hoje, o time de Mano Menezes está apenas a três pontos do time de Vítor Pereira na tabela.

Após o duelo interestadual, o Corinthians terá a semana livre para o técnico português ter mais um duelo decisivo: dessa vez, encara o São Paulo no Morumbi. Apesar do bom momento, Vítor Pereira vem sofrendo críticas por não ter desempenho regular nos clássicos, fora o clima de revanche pela derrota na semifinal do Campeonato Paulista desse ano. Mais um jogo com ar de decisão para o time alvinegro.

No dia 14 de setembro, o Corinthians fecha a sequência em casa, no duelo decisivo contra o Fluminense, pela Copa do Brasil, e ainda terá mais alguns dias em São Paulo antes de embarcar rumo a Minas Gerais para visitar o América-MG pelo Brasileiro, no sábado (17).

Para a partida deste domingo, Vítor Pereira ainda não deve contar com Maycon, que trata uma fratura no dedo do pé, Paulinho, que se recupera de cirurgia no joelho, e Rafael Ramos, com lesão na coxa.
O técnico também pode fazer alterações no time que começa em campo, pensando na decisão contra o rival carioca durante a semana.

Assim, uma possível escalação inicial do Corinthians tem: Cássio; Fagner, Bruno Méndez, Raul Gustavo (Gil) e Lucas Piton; Roni (Du Queiroz), Cantillo e Giuliano; Adson (Gustavo Mosquito), Róger Guedes (Giovane) e Yuri Alberto (Júnior Moraes).

O Fortaleza, por sua vez, pode ter até cinco desfalques: o zagueiro Marcelo Benevenuto, o atacante Thiago Galhardo e o volante Zé Welison cumprem suspensão, e o lateral-direito Tinga e o meia Lucas Crispim apareceram no último boletim médico do time, e são dúvidas para a partida.

Em compensação, o técnico Juan Pablo Vojvoda poderá contar com Juninho Capixaba, que volta de suspensão, e o atacante Pedro Rocha, que pode estrear.

Portanto, uma possível escalação do Fortaleza tem: Fernando Miguel; Brítez, Tite, Ceballos e Juninho Capixaba; Lucas Sasha, Ronald e Hércules (Romero); Moisés, Romarinho e Robson.

Fonte: UOL/FOLHAPRESS

Imprimir