Cidadeverde.com
Esporte

Palmeiras aposta em 'invictos' contra o Fluminense e vai com força máxima

Imprimir

Salvo algum imprevisto, o líder Palmeiras vai ter a sua possível força máxima contra o Fluminense, neste sábado (27), no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ), em jogo pela 24ª rodada do Cameponato Brasileiro. 

Foto - Cesar Greco - Palmeiras

Se isso vier a acontecer, será a primeira vez na temporada que Abel Ferreira escalará o seu "time ideal" em dois jogos consecutivos.

Com esta formação, o time alviverde ainda não foi derrotado nesta temporada. Nas seis vezes que Weverton; Rocha, Gómez, Murilo e Piquerez; Danilo, Zé Rafael, Scarpa e Veiga; Dudu e Rony iniciaram um jogo juntos, o Palmeiras ganhou três e empatou outros três jogos.

O jogo contra o Fluminense será o terceiro consecutivo contra um time que ocupa a vice-liderança do torneio (bateu o Corinthians e empatou com o Flamengo nas últimas duas rodadas).

A decisão de escalar o "time ideal" mostra a importância que o clube está dando para o Brasileiro, principal meta da comissão técnica de Abel Ferreira.

É evidente que as duas semanas sem jogo no meio de semana, já que o clube alviverde foi eliminado da Copa do Brasil, ajudaram muito na recuperação física dos jogadores.

Mas, não é demais lembrar, o clube tem nada menos que a ida da semifinal da Libertadores na terça-feira (30) contra o Athletico-PR, em Curitiba.

VANTAGEM DE TRÊS RODADAS

Em caso de vitória contra o Fluminense, o Palmeiras abrirá 11 pontos de vantagem para o Fluminense, até 12 para o Flamengo e 13 para o Corinthians, dependendo dos resultados.

O cenário acima significa que o Palmeiras já terá conquistado o direito de sair derrotado de três dos 14 jogos faltantes sem perder a liderança do torneio.

A escalação da força máxima possível pela terceira rodada seguida no nacional indica também que os dois reforços contratados para a temporada devem seguir como opções no banco de reservas.

Tanto Flaco López, que conquistou mais moral com a comissão, quanto Miguel Merentiel ainda não fizeram brilhar os olhos de Abel a ponto de mudar a estrutura tática do time.

Rony seguirá como homem de referência no ataque, Veiga e Scarpa na armação e Dudu pelos lados do campo.

POUCAS LESÕES

Neste ano, por conta do bom desempenho do Núcleo de Saúde e Performance que, junto com a comissão técnica, trabalha minuciosamente na definição de intensidade de treinamentos e rodízio de atletas, o Palmeiras vem sofrendo pouco com ausências.

O núcleo trabalha com metas, de modo a ter todos os atletas com 100% das condições de jogo em momentos-chave da temporada. Hoje, apenas o volante Jailson, que rompeu o ligamento cruzado do joelho direito, está sem condições de jogo.

FLUMINENSE

Do lado anfitrião, o Fluminense vem de empate por 2 a 2 contra o Corinthians, no jogo de ida da Copa do Brasil, e vira a chave para tentar repetir o sucesso da última rodada no Brasileiro, quando goleou o Coritiba por 5 a 2.

Para a partida deste sábado, o técnico Fernando Diniz ainda não deve contar com Luan Freitas, que se recupera de lesão. David Braz e Alan, já recuperados, voltaram a participar de treinos com o time, e podem ficar à disposição.

Portanto, uma possível escalação inicial do Fluminense tem: Fábio; Samuel Xavier, Nino, Manoel (David Braz) e Caio Paulista; André, Nonato e Ganso; Matheus Martins, Cano e Arias.

Fonte: UOL/FOLHAPRESS

Imprimir