Cidadeverde.com
Esporte

Athletico-PR derruba invencibilidade do Palmeiras na Libertadores e sai na frente na semifinal

Imprimir

No primeiro confronto entre Athletico-PR e Palmeiras pela semifinal da Copa Libertadores, o time de Curitiba venceu nesta terça-feira (30) por 1 a 0 e saiu na frente na disputa por uma vaga na decisão.

Foto - Cesar Greco - Palmeiras

Com o placar construído em casa, onde a equipe comandada por Luiz Felipe Scolari teve de atuar com um a menos em quase metade do segundo tempo, o Athletico terá a vantagem de jogar por um empate no confronto de volta, em São Paulo, na terça-feira (6).

Coube ao volante Alex Santana marcar o único gol do duelo na Arena da Baixada, aos 22 minutos de jogo, decretando o fim de uma longa invencibilidade do Palmeiras na competição. 

Desde abril de 2019, quando foi superado pelo San Lorenzo, da Argentina, por 1 a 0, o time alviverde não perdia como visitante.

Foram 20 jogos sem perder, com 14 vitórias e seis empates. O time teve, ainda, compromissos em campos neutros, justamente as finais de 2021 e 2020, ambas vencidas pelo clube.

Desta vez, porém, além da boa partida feita pelo Athletico, o time de Abel Ferreira pecou na finalização das boas chances que criou, sobretudo com José Lopez, e ainda deixou espaços na defesa que não costuma permitir aos adversários.

Nem mesmo quando passou a jogar com um a mais os paulistas conseguiram chegar ao empate.

O Athletico passou a jogar com um a menos a partir dos 24 minutos da etapa final, quando Hugo Moura recebeu o segundo cartão amarelo. 

No lance, o volante caiu no gramado após uma dividida e, esperando a marcação de uma falta, desviou a bola com a mão antes da sinalização do árbitro.

Logo após o vermelho para o meio-campista, Felipão ficou muito nervoso à beira do campo e, pela forma como reclamou com a arbitragem, também acabou expulso, aos 26.

Sem seu treinador e em desvantagem numérica, restou ao time paranaense se fechar atrás para segurar a vantagem que havia construído.

Nesta quarta-feira (31), na Argentina, o Flamengo terá o primeiro confronto com o Vélez Sarsfield na briga pela segunda vaga na final da Libertadores.

O jogo será às 21h30 (de Brasília), no estádio José Amalfitani, em Buenos Aires. A partida de volta está marcada para 7 de setembro, no Maracanã.

A decisão do torneio será em 29 de outubro, na cidade de Guayaquil, no Equador, no estádio Monumental Isidro Romero Carbo.

Fonte: Folhapress

Imprimir