Cidadeverde.com
Últimas

Garçom é preso por tentativa de feminicídio após esfaquear namorada 20 vezes

Imprimir

Foto: Renato Andrade / Cidadeverde.com 

Um garçom foi preso nesta terça-feira (30) por tentativa de feminicídio contra a namorada. Luciano Alves, de 49 anos, teria esfaqueado  a namorada pelo menos 20 vezes após uma briga de casal na residência do suspeito, no bairro Itararé, zona Sudeste de Teresina. 

Policiais do 8º BPM atenderam a ocorrência e, segundo consta no boletim de ocorrências, o garçom se trancou na casa com a namorada porque o local foi invadido por uma dupla ainda não identificada, que teria quebrado duas cadeiras nele e o lesionado na mão e na boca. 

“Quando chegamos na casa vimos o portão arrebentado. Havia uma pessoa trancada no interior da casa, aparentemente com receio de ser linchado pela população que tentava invadir o imóvel. Convencemos ele a sair de casa e ele relatou que teria brigado com a companheira”, relatou o capitão Deusdedit Pires, em depoimento na Central de Flagrantes. 

A vítima foi resgatada com vida e encaminhada à Unidade de Pronto Atendimento do Renascença. Ela sofreu lesões no tórax, braços, ombros, pescoço e na face. Segundo relatório médico, foram pelo menos 20 perfurações de faca. 

Na Central de Flagrantes, ao delegado Daniell Pires, Luciano Alves confessou a tentativa de feminicídio e disse que a vítima havia furtado dinheiro de sua carteira. 

Segundo consta no depoimento, o garçom estava em uma clínica médica na manhã de terça-feira (30), quando a namorada teria ligado para ele pedindo uma quantia de R$ 1,2 mil. Eles teriam se encontrado no horário do almoço e entregue a quantia a mulher. Após a refeição, foram ingerir bebidas alcoólicas no bairro Dirceu e em seguida foram para a residência do suspeito. 

“Fomos para casa para ter relações e lá ela me pediu mais R$ 400 reais e entreguei. Não conseguimos ter relações por conta da bebida. Ela foi até a minha carteira e pegou mais R$ 200”, relatou o garçom ao acrescentar dizendo que tinha uma faca no sofá que usou para ameaçar a namorada para que ela não pegasse mais dinheiro dele. 

Nesse momento iniciaram uma luta corporal e o homem confessou para o delegado que furou a mulher várias vezes, antes que pessoas desconhecidas invadissem sua casa e o agredissem. 

Luciano Alves foi preso por tentativa de feminicídio e está na Central de Flagrantes à disposição da Justiça. 

O quadro de saúde de mulher é considerado grave. 

 

Nataniel Lima
[email protected] 

Imprimir