Cidadeverde.com
Esporte

Diante de 50 mil, Grêmio vira sobre o Vasco na estreia de Renato Gaúcho

Imprimir

Grêmio e Vasco fizeram um duelo digno de G-4 no encerramento da 29ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, que terminou com vitória gaúcha por 2 a 1.

Foto - Daniel Ramalho - Vasco

Jogando em sua arena, diante de mais de 50 mil torcedores, o Grêmio viu o adversário abrir o placar com Léo Matos, mas virou com gols de Bitello e Thaciano, tudo isso em 19 minutos. 

A partida ainda marcou as estreias dos técnicos Renato Gaúcho, no lado mandante, e Jorginho, no lado carioca.

Esta foi a segunda vitória seguida do Grêmio, terceiro colocado, agora com 50 pontos, cinco a mais do que o Vasco, que fecha o G-4, com 45.

A derrota atrapalha o time cruzmaltino, que vê o Londrina, quinto colocado, chegar a 44 pontos, portanto, um ponto apenas de diferença. Além disso, o Vasco sofreu sua sétima derrota seguida fora de casa, uma marca preocupante.

O primeiro tempo foi digno de dois times que são favoritos ao acesso. Parecia que o retrospecto do Vasco fora de casa iria mudar quando Léo Matos abriu o placar logo aos três minutos.

Após cruzamento da esquerda, o rebote ficou no lado direito, perto da meia-lua, e o lateral-direito chutou muito forte, cruzado, para marcar um belo gol.

A partida continuou bem movimentada e a vantagem carioca durou apenas seis minutos. Edilson cruzou na área e a defesa afastou. Bitello, fora da área, dominou e chutou fraco, mas a bola desviou em Quintero e entrou lentamente no gol, aos nove minutos

O gol voltou a motivar o Grêmio, que virou o placar aos 19 minutos. Thaciano, que entrou no primeiro tempo por conta da lesão de Campaz, tocou para Biel em contra-ataque.

Biel disparou em velocidade pelo lado esquerdo e devolveu para Thaciano, do lado direito e já na grande área. Na cara do gol, ele não desperdiçou.

O primeiro tempo ainda contou com três lances de muito perigo. Do lado do Grêmio, Bitello acertou o travessão. Pelo Vasco, Nenê finalizou dentro da área para grande defesa de Brenno e, depois, acertou cobrança de falta na trave.

A velocidade diminuiu na volta para o segundo tempo, embora a disputa tenha continuado bem acirrada. O Grêmio reforçou a marcação para dificultar ainda mais a reação vascaína, contando com a entrada de Lucas Leiva, por exemplo.

Os cariocas demoraram a assustar, mas quando chegaram, o empate quase saiu. Após escanteio, Andrey Santos cabeceou no alto e Brenno fez outra grande defesa.

O Grêmio claramente recuou o time e abdicou do ataque. O Vasco, porém, não conseguiu criar outras chances claras. Nos minutos finais, os gaúchos quase conseguiram definir a vitória duas vezes. Uma em chute de Edilson, de longe, e outra com Biel, que invadiu a área e chutou cruzado para grande defesa de Thiago Rodrigues.

O Vasco volta a campo na próxima sexta-feira, às 19h, quando recebe o lanterna Náutico, em São Januário, no Rio de Janeiro. A esperança para o time carioca é que ainda está invicto como mandante. No mesmo dia, às 21h30, o Grêmio visita o Novorizontino, no estádio Jorge Ismael de Biasi, em Novo Horizonte (SP).

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir