Cidadeverde.com
Esporte

Kanté passa por cirurgia e desfalcará França na Copa do Mundo do Catar

Imprimir

Destaque do título da França na Copa do Mundo de 2018, o volante N’Golo Kanté, do Chelsea, não irá disputar o mundial deste ano, no Catar. 

O clube inglês anunciou nesta terça-feira que o jogador de 31 anos foi submetido a uma cirurgia para tratar uma lesão na coxa e precisará passar por um período de cerca de quatro meses sem jogar até reunir condições de jogo novamente.

Kanté não joga pelo Chelsea desde o empate por 2 a 2 com o Tottenham, em jogo disputado no dia 14 de agosto, logo no início da atual temporada.

Ele vinha em processo de evolução na recuperação, mas voltou a ter problemas. Após uma nova avaliação médica, foi concluído que a intervenção cirúrgica seria necessária.

"O meio-campista visitou um especialista juntamente ao departamento médico do clube para explorar opções de abordagem para a recuperação", informou o Chelsea em texto divulgado nesta terça.

"Então, fomos levados à conclusão mútua de que N’Golo precisa de cirurgia para reparar o dano. Após uma operação bem sucedida, N'Golo deve ficar afastado por quatro meses".

Dessa maneira, o volante deve voltar a jogar apenas em fevereiro do ano que vem. Sem Kanté, a seleção francesa vai ao Catar em busca de seu terceiro título da Copa do Mundo. 

O técnico Didier Deschamps deve anunciar a lista de convocados no dia 9 de novembro. Duas semanas depois, no dia 22, a França estreia no mundial contra a Austrália. Integrante do Grupo D, também enfrentará a Dinamarca e a Tunísia.

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir