Cidadeverde.com
Esporte

Palmeiras festeja título brasileiro com goleada, show de Rony e brilho de Endrick

Imprimir

Hendecacampeão brasileiro com três rodadas de antecedência, o Palmeiras festejou a conquista ao lado de sua torcida com goleada sobre o Fortaleza, na noite desta quarta-feira, no Allianz Parque. 

Foto - Cesar Greco - Palmeiras

Mais leve em virtude da confirmação antecipada do título, o time de Abel Ferreira não encontrou dificuldades para massacrar o rival cearense por 4 a 0, com protagonismo de Rony, autor de dois gols e que se consolidou como artilheiro da equipe na temporada. 

Endrick estreou como titular e fez seu primeiro gol na arena alviverde. Dudu também brilhou ao ir às redes e dar duas assistências.

Num Allianz Parque cheio, mas sem sua capacidade máxima preenchida em virtude do show do cantor canadense Michael Bublé, os torcedores apresentaram um mosaico nas arquibancadas e gritaram "é campeão" várias vezes durante a partida. 

Eles não viram a taça porque esta só será entregue pela CBF aos atletas contra o América-MG, no penúltimo compromisso do time no Brasileirão, daqui a uma semana.

A vitória foi encaminhada no primeiro tempo, com dois bonitos gols de Rony e Dudu. Gustavo Scarpa lembrou o torcedor que deixará saudade ao fazer o que mais sabe: dar assistência. 

Ele encontrou um passe de trivela para Rony disparar no meio dos zagueiros e bater por debaixo do goleiro, dando início à festa aos 14 minutos. O camisa 10, artilheiro da equipe na temporada, comemorou com sua tradicional cambalhota.

Haveria de ter um golaço para deixar a festa mais especial. E ele saiu dos pés do maior ídolo da geração atual de palmeirenses: Dudu.

O atacante, o único do elenco três vezes campeão brasileiro e artilheiro do clube no século, foi lançado por Marcos Rocha em velocidade e tocou por cima da Fernando Miguel, fechando um primeiro tempo digno de campeão, com amplo domínio dos anfitriões sobre o Fortaleza, time de ótima campanha no segundo turno.

No intervalo, a torcida saudou as jogadoras campeãs da Copa Libertadores feminina com campanha perfeita, demonstrando que a fase bem-sucedida no Palmeiras transcende o futebol masculino. Elas deram a volta olímpica e foram aplaudidas.

Na etapa final, o amplo domínio continuou e a vitória se transformou em goleada. Teve mais um gol de Rony, aproveitando assistência de Dudu e falha da zaga, e outro de Endrick. O garoto de 16 anos também marcou após passe de Dudu.

Empurrou de carrinho e foi comemorar com a torcida o seu primeiro gol na casa palmeirense, o terceiro em cinco jogos, confirmando que não é mais promessa, mas sim realidade.

O pai, Douglas, estava em um dos camarotes do estádio e filmou todos os movimentos do filho, que foi ovacionado quando substituído por Merentiel.

No fim, o que se viu foram gritos de "olé" à medida que o Palmeiras tocava a bola e o empenho de atletas que saíram do banco para mostrar serviço a Abel Ferreira.

Nem a chuva, o frio na capital paulista e o bloqueio de vias por manifestantes bolsonaristas em ações antidemocráticas atrapalharam a festa do hendecacampeão nacional.

Campeão paulista, da Recopa e do Brasileirão em 2022, o time tem mais três partidas até o fim da temporada e deve jogá-las com atletas reservas. São 77 pontos somados e o que resta é a ambição por alcançar novos recordes no campeonato e ampliar os números já impressionantes.

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir