Cidadeverde.com
Últimas

Empresário é detido ao oferecer dinheiro para não ser preso por furto de energia

Imprimir

Foto: Divulgação / Polícia Civil do Piauí 

O dono de uma churrascaria na cidade de São Francisco do Piauí (318 km de Teresina) foi preso, nesta quinta-feira (03/11), após tentar subornar policiais civis com R$ 500 depois de ser flagrado furtando energia. 

O empresário, de 44 anos, foi denunciado pela Equatorial Piauí após, segundo relato de representantes da concessionária, ser flagrado pela quarta vez furtando energia em sua residência na cidade de São Francisco do Piauí. 

No boletim que o Cidadeverde.com teve acesso, os representantes da Equatorial afirmaram que, nas vezes anteriores que foi flagrado furtando energia, o dono da churrascaria chegou a ameaçar funcionários da concessionária, razão pela qual decidiram comunicar o novo fato à polícia. 

“O perito criminal constatou o furto de energia. Na ocasião, ele chegou a oferecer R$ 500 aos policiais como forma de suborno a fim de não ser autuado pelo crime cometido. O local onde funciona sua residência também há uma churrascaria”, afirmou a Equatorial ao delegado da 4ª Delegacia Regional de Oeiras. 

A suspeita de furto surgiu após os funcionários da Equatorial estranharem o valor da fatura do homem. Isso porque mesmo o local sendo uma residência, churrascaria, ter freezers e ar condicionado, a fatura do empresário girava em torno de R$ 70. 

Após o flagra e tentativa de suborno, o empresário foi preso por furto qualificado, furto de energia e corrupção ativa. O Cidadeverde.com não conseguiu contato com a defesa dele.

Nataniel Lima
[email protected] 

Imprimir