Cidadeverde.com
Últimas

Militar da FAB atira e mata colega dentro do Ministério da Defesa em Brasília

Imprimir

Foto: Renato Andrade/Cidadeverde.com

O militar da Aeronáutica Kauan Jesus da Cunha Duarte, 19 anos, morreu na manhã deste sábado, 19, após ser atingido por um disparo na cabeça no anexo do Ministério da Defesa, na Esplanada dos Ministérios, em Brasília.

O tiro teria sido dado por um colega de trabalho, o militar Felipe de Carvalho Sales, também de 19 anos, de acordo com as primeiras investigações. As informações foram reveladas pelo portal Metrópoles.

Em nota, o Ministério da Defesa lamentou o ocorrido. A pasta informou que o tiro aconteceu no alojamento da guarda, localizado no prédio no anexo à sede do Ministério da Defesa, na Esplanada dos Ministérios.

No início desta tarde, a perícia do Instituto Médico Legal (IML) ainda estava no local. As investigações serão conduzidas pela Aeronáutica.

"É com profundo sentimento de tristeza e pesar que o Ministério da Defesa lamenta o incidente ocorrido, na manhã deste sábado (19.11), no alojamento da guarda, localizado no prédio anexo da Pasta, e que vitimou, por meio de disparo de arma de fogo, um militar da Força Aérea Brasileira (FAB)", afirmou a defesa, em nota. A pasta disse ainda que acompanha a investigação dos fatos

Ao Broadcast, a Polícia Civil do Distrito Federal informou que foi registrada a ocorrência de um homicídio na 5ª Delegacia de Polícia, localizada na Asa Norte, que ocorreu entre as 6h e as 7h da manhã deste sábado, num prédio anexo do Ministério da Defesa.

"Foi registrada ocorrência de homicídio na 5ª DP, nesta data, porém, em razão de ser crime militar, a investigação dos fatos ficará sob responsabilidade da Força Aérea Brasileira (FAB)", diz a nota.

 

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir