Cidadeverde.com
Esporte

Courtois pega pênalti, Bélgica flerta com zebra, mas vence o Canadá na Copa

Imprimir

 

Carrasca da seleção brasileira em 2018, a Bélgica sofreu mais do que o esperado, mas venceu o Canadá por 1 a 0 na estreia da Copa do Mundo do Qatar, nesta quarta-feira (23), no estádio Ahmed bin Ali, pela primeira rodada da fase de grupos do Mundial.

Depois de suportar enorme pressão do Canadá, que viu Davies desperdiçar um pênalti - defendido por Courtois - com 10 minutos de jogo, os belgas abriram o placar com Batshuayi, na reta final do primeiro tempo.

Mesmo com a frustração, o Canadá seguiu pressionando e melhor que a Bélgica, exigindo outras boas aparições do camisa 1 ao longo dos 90 minutos.

Pouco tempo depois do Canadá desperdiçar o pênalti, um lance inusitado marcou o duelo no Ahmed bin Ali. Aos 12 minutos, Hazard recuou errado e mandou a bola direto nos pés de Buchanan, que recebeu uma solada de Vertonghen dentro da área. A arbitragem marcou impedimento - mesmo com o passe feito pelo belga - e ignorou a revisão do possível pênalti para os canadenses.

Os canadenses ainda pediram outro pênalti aos 37 minutos, quando Laryea caiu na área após uma disputa com Wistel. O VAR checou o lance e sequer chamou o árbitro para revisar no monitor à beira do campo.
Depois de muito sofrer, a Bélgica inaugurou o placar. Aos 43 minutos da etapa inicial, Batshuayi aproveitou lançamento longo de Alderweireld e bateu cruzado, de primeira, para superar o goleiro Borjan. A seleção belga manteve o resultado até o fim.

Com a vitória, a Bélgica termina a rodada inicial da Copa na liderança do grupo F, com três pontos, enquanto o Canadá, zerado, amarga a lanterna. Marrocos e Croácia, que mais cedo ficaram no 0 a 0, têm um ponto e estão empatados na segunda e terceira colocações da chave.

A próxima rodada do Grupo F será disputada no domingo (27). A Bélgica enfrenta Marrocos, às 10h (de Brasília), enquanto Canadá joga contra a Croácia, às 13h (também de Brasília).


BÉLGICA
Courtois; Dendoncker, Alderweireld e Vertonghen; Castagne, Tielemans (Amadou Onana), Witsel e Carrasco (Meunier); De Bruyne e Hazard (Leandro Trossard); Batshuayi (Loïs Openda). T.: Roberto Martínez.

CANADÁ
Borjan; Johnston, Vitória e Miller; Hoilett (Cyle Larin), Hutchinson (Ismaël Koné), Stephen Eustáquio (Jonathan Osorio) e Laryea (Sam Adekugbe); Buchanan (Liam Millar), Davies e David. T.: Beverly Priestman.

 

Fonte: Folhapress

Imprimir