Cidadeverde.com
Últimas

Paramédica socorre vítima de batida sem saber que era a filha; jovem morreu

Imprimir

Foto: Reprodução Youtube/The Canadian Press

Uma paramédica prestou os primeiros socorros para uma vítima em estado grave, sem saber que era a sua própria filha. Jayme Erickson descobriu a triste coincidência apenas horas mais tarde, quando recebeu a notícia da morte dela.

O fato ocorreu no dia 15 de novembro, ao norte de Calgary, no Canadá, segundo o site People. Ela estava transitando pela via quando viu o acidente e percebeu que uma passageira ficou presa, com ferimentos graves.

Ela ficou próxima ao carro e cuidou da vítima, até que as equipes médicas acionadas chegassem ao local. A paramédica não sabia que a passageira envolvida era sua filha de 17 anos, Montan.
Segundo Jayme, a jovem estava irreconhecível devido à gravidade de seus ferimentos.

"Jayme, sem saber, estava mantendo sua própria filha viva", explicou Richard Reed, um paramédico e amigo de Erickson, em entrevista coletiva na quarta-feira (23).

Ele acrescentou que a paramédica administrou o tratamento para ganhar tempo para a família da vítima se despedir.

Ao retornar para casa, ela foi recebida pela polícia canadense, que deu e a notícia devastadora da morte de sua filha.

"Ela era uma lutadora e lutou até o dia em que morreu. Ela era tão bonita. Quando ela se esforçava para uma coisa, sempre tinha sucesso", disse Erickson, emocionada durante a entrevista.

"Estamos sobrecarregados com a dor e absolutamente destruídos. A dor que estou sentindo é como nenhuma dor que já senti, é indescritível", acrescentou Erickson em uma página do GoFundMe criada pela amiga da família Lindsay Sandalack.

 

Fonte: Folhapress 

Imprimir