Cidadeverde.com
Últimas

Temporal deixa 2 mortos, bloqueia rodovia e suspende serviços em SC

Imprimir

Foto: Prefeitura de Teresina 

A chuva que atinge Santa Catarina desde a madrugada desta terça (20) deixou duas pessoas mortas, a BR-101 interditada em diversos pontos e suspendeu serviços de saúde e transporte. Segundo a Defesa Civil, as regiões mais afetadas foram o litoral norte e a Grande Florianópolis.

Em Camboriú, duas irmãs, de 17 e 16 anos, morreram soterradas após um deslizamento de terra atingir a casa em que elas e uma terceira irmã, de 9 anos, dormiam. Segundo a prefeitura da cidade, a caçula foi levada para o hospital.

Em imagens divulgadas pela prefeitura, a casa das irmãs, no bairro Jardim Aliança, aparece cheia de lama, e é possível ver parte do teto que cedeu no quarto. Elas chegaram a receber atendimento de socorristas do Samu, mas morreram no local.

A Defesa Civil de Balneário Camboriú, também no litoral norte, reforçou os alertas na manhã desta terça-feira (20). A cidade tem sete pontos de alagamento, e o principal deles é na 6ª avenida.

Segundo o órgão, dois abrigos foram disponibilizados para pessoas desalojadas.

Ainda, foram suspensos os agendamentos em unidades básicas de saúde, e as emergências podem ser atendidas na UPA Nações, no PA da Barra e no Hospital Ruth Cardoso. O transporte também foi afetado.

"Devido aos transtornos e alagamentos nas principais vias da cidade causados pelas fortes chuvas que caíram nas últimas horas, a operação do transporte público na cidade ficou impossível", diz a nota.

Imagens em redes sociais mostram veículos circulando pela faixa de areia da praia que foi alargada para fugir dos alagamentos.

Por causa das chuvas, a BR-101 foi totalmente bloqueada na altura de Palhoça, entre o km 236 norte e o km 228, e na pista sul, no km 99, em Piçarras, e no km 138, no morro do Boi, em Balneário Camboriú.

Segundo a concessionária Arteris Litoral Sul, também há bloqueios parciais no km 57 Sul, em Araquari, no km 102 sul e norte, em Piçarras, e no km 132, em Balneário Camboriú. Não há previsão de liberação.

O estado segue com alerta da Defesa Civil para chuvas fortes entre esta terça e quarta (21), concentradas nas regiões da Grande Florianópolis, baixo vale do Itajaí e litoral norte. O Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) também reforçou os alertas para altos volumes de chuva nesta terça, que podem superar os 100 mm em 24 horas.

A população de Santa Catarina tem sofrido com chuvas intensas e deslizamentos de terra desde o início de dezembro. No primeiro dia do mês, o estado contabilizava quase 900 pessoas desalojadas e ao menos duas mortes.

 

Fonte: Folhapress 

Imprimir