Cidadeverde.com
Cidades

Engenheiro explica barulho e impacto de explosão em prédios vizinhos a restaurante

Imprimir

Foto: Renato Andrade / Cidadeverde.com 

A explosão no restaurante Vasto, nesta quarta-feira (21), danificou prédios vizinhos e foi ouvida em bairros distantes e até em Timon, no Maranhão. O professor de Engenharia Civil da Universidade Estadual do Piauí (Uespi), doutor em Estruturas pela Universidade de Brasília (UNB), Jonathan Madeira de Barros Nunes, atribui o fato à propagação da energia pelo ar. 

“A tragédia de hoje pode ser ouvida a vários quilômetros de distância. Houve relatos de que escutaram no Residencial Jacinta Andrade, que fica a 5 km do Vasto. As ondas de choque têm um alcance mais restrito do que as ondas sonoras, mas sua força destrutiva pode chegar a uma boa distância também”, explicou o doutor Jonathan Madeira. 

O engenheiro destaca ainda que uma explosão, tecnicamente, é um processo que envolve uma grande liberação de energia, um galopante aumento de temperatura, um forte estrondo e uma grande expansão de gases. 

Por conta disso, forma-se uma grande pressão na vizinhança do ponto de ignição, que se manifesta em uma gigantesca onda de choque, que acompanha naturalmente as ondas sonoras do som da explosão. 

“Nesse caso, muitos quarteirões foram alcançados no entorno dos restaurantes e isso se dá pela propagação da energia pelo ar. Dependendo da intensidade da explosão e da distância da edificação para o ponto de explosão, pode haver danos estruturais. Certamente o Corpo de Bombeiros fará um retrato sobre o que aconteceu”, acrescentou o professor. 

Foto: Renato Andrade/ Cidadeverde.com

Jonathan Madeira de Barros Nunes

Causa 

A causa primária da explosão ainda é desconhecida. Uma perícia está em andamento para descobrir a origem. No entanto, o doutor Jonathan Madeira de Barros Nunes acredita que a explosão foi causada provavelmente por um grande vazamento de gás. 

Foto: Renato Andrade/ Cidadeverde.com

“Dada a magnitude do sinistro, percebemos que o vazamento foi de grandes proporções e deve ter ocorrido por muitas horas. Provavelmente desde o encerramento da casa no período noturno até o momento da tragédia”, analisou o professor. 

Com o ambiente fechado, houve uma grande concentração de gás. 

“Talvez a tentativa de ativação de algum equipamento, por ter percebido o cheiro do gás, o funcionário pode ter tentado ativar algum exaustor, aliviar o gás presente; ou a ligação de algum disjuntor ou chave de energia para acender a lâmpada. Qualquer um desses fatores pode gerar algumas faíscas, que normalmente são imperceptíveis”, completou o professor Jonathan Madeira. 

Explosão

Uma explosão de grandes proporções destruiu o restaurante Vasto, localizado na rua Professor Joca Viera, bairro Jockey, zona Leste de Teresina. O acidente aconteceu por volta das 6h30 desta quarta-feira (21).

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, dois vigilantes estavam dentro do estabelecimento no momento da explosão. Um deles teve ferimentos queimaduras de 2° grau e foi socorrido pelo SAMU. O outro vigilante não teve ferimentos e passa bem. 

A explosão teria acontecido no local onde funcionava a cozinha do restaurante, que pertence ao grupo Coco Bambu e foi inaugurado há menos de um mês. A causa ,segundo os bombeiros, possivelmente foi um vazamento de gás, mas uma perícia ainda deve ser realizada. 

Coco Bambu se manifesta

O Grupo do Coco Bambu em Teresina divulgou uma nota informando que o vigilante que ficou ferido está recebendo todo o apoio e que aguarda laudo que irá informar a causa do acidente.

“Neste momento, precisamos aguardar o laudo dos profissionais técnicos e do Corpo de Bombeiros para atestar a causa do ocorrido. Estamos colaborando com todas as autoridades, com objetivo de elucidar a situação com agilidade e segurança”, informou. 

Veja a nota na íntegra:

Os Restaurantes Coco Bambu e Vasto Teresina informam que hoje, dia 21.12.2022, por volta de 6am ocorreu um acidente que danificou suas instalações. 

O restaurante estava fechado e inoperante no momento do ocorrido. Não houve fatalidade ou feridos graves. Um único colaborador sofreu leves escoriações e já está recebendo todo apoio médico necessário, tudo devidamente acompanhado por nossa direção. 

Neste momento, precisamos aguardar o laudo dos profissionais técnicos e do Corpo de Bombeiros para atestar a causa do ocorrido. Estamos colaborando com todas as autoridades, com objetivo de elucidar a situação com agilidade e segurança. 

No momento, os restaurantes estão fechados ao público. As reservas serão canceladas. Caso tenha um evento conosco nossa equipe entrará em contato.

 

Nataniel Lima e Bartolomeu Almeida 
[email protected] 

  • vasto_www.jpg Renato Andrade/Cidadeverde
  • explo2221.jpg Renato Andrade/Cidadeverde
  • vasto_explosao11.jpg Renato Andrade/Cidadeverde
  • explso111.jpg Renato Andrade/Cidadeverde
  • 02bf.jpg Renato Andrade/Cidadeverde
  • marcos_rolf1.jpg Renato Andrade/Cidadeverde
  • explo222.jpg Renato Andrade/Cidadeverde
  • vastsss.jpg Renato Andrade/Cidadeverde
  • explosao11.jpg Renato Andrade/Cidadeverde
  • wnckwnlkd.jpg Renato Andrade/Cidadeverde
  • ewdewd.jpg Renato Andrade/Cidadeverde
  • a_explosao.jpg Renato Andrade/Cidadeverde
  • 2explosao.jpg Renato Andrade/Cidadeverde
  • 3_explosao.jpg Renato Andrade/Cidadeverde
  • 4_explosao2.jpg Renato Andrade/Cidadeverde
  • 5_explosao.jpg Renato Andrade/Cidadeverde
Imprimir