Cidadeverde.com
Entretenimento

Juliano Cazarré rebate críticas por postura em premiação

Imprimir

Foto: Vitor Eduardo / AgNews

O ator Juliano Cazarré rebateu comentários de seguidores que criticaram a postura dele durante a participação no prêmio "Melhores do Ano", do programa Domingão com Huck, que foi exibido no neste domingo (25).

Os internautas disseram que Cazarré estava sério e parecia pouco a vontade. Em vídeo publicado no perfil oficial de Instagram, o ator disse que recebeu "uma enxurrada de ódio por questão de política" e que não sabia o motivo.

No começo da postagem, ele explicou que, de fato, estava sério pois a situação que está vivendo é difícil e que o programa começou atrasado. "Eu estava sério mesmo porque não estou vivendo uma situação fácil, nossa filha está na UTI há seis meses. Sou pontual, o programa estava marcado para às 15h, mas começou a ser gravado às 17h. Estava angustiado pois precisava voltar para casa para liberar a babá", disse.

A situação difícil a qual o ator se refere é sobre a filha mais nova, Maria Guihermina, que está internada desde o nascimento, em junho, devido a um problema raro no coração.

"Tem muita gente que tem uma obsessão política tão imbecil, tão grande, que não consegue ver nada sem nunca pensar em PT ou bolsonarismo", afirmou. "Tinha um vídeo meu dando um abraço no Silvério Pereira teve gente dizendo que ele teve que segurar o vômito por estar abraçando um bolsonarista."

O ator ainda disse que acha chato os artistas que se manifestam politicamente. "Acho caído demais essa história. É muito chato, quem disse que as pessoas estão interessadas na nossa posição política? Isso divide as pessoas, é hora de confraternização. Desde que Bolsonaro assumiu, nunca coloquei uma frase dele aqui", falou.

Cazarré finalizou dizendo que estava feliz mas que "não ri o tempo inteiro". "Tenho preocupações, pena que não tenho paciência para bloquear quem fica entrando aqui para ficar falando."

Fonte: Folhapress

Imprimir