Cidadeverde.com
Entretenimento

Pelé recebe a visita de netos no hospital e filha publica nova foto

Imprimir

Foto: Reprodução/Instagram

Kely Nascimento, uma das filhas de Pelé, voltou a compartilhar, nesta quarta-feira (28), fotos nas redes sociais com a família do Rei. Na imagem, ela aparece ao lado de Flavia Arantes do Nascimento, sua irmã, e dos sobrinhos Gabriel Arantes e Octavio Felinto Neto.

Eles são filhos de Sandra Regina, morta em 2006 em decorrência de um câncer de mama. Sandra teve a paternidade de Pelé reconhecida pela Justiça na década de 1990 e não tinha proximidade com o pai.

"Esses momentos são difíceis de explicar. Às vezes, muita tristeza e desespero, em outros momentos rimos e falamos de memórias divertidas. E o que mais aprendemos com tudo isso é que temos que buscar um ao outro, e segurar bem pertinho. Só assim que tudo vale a pena. Com todos juntos", escreveu Kely na legenda da foto desta quarta.

Não há novas informações sobre a saúde do Rei na publicação. A última foto publicada por Kely foi no Natal, com irmãos e irmãs, no hospital Albert Einstein, em São Paulo, onde Pelé está internado.

O filho do ex-jogador, Edinho, depois de passar o natal com a família no hospital, voltou ao Paraná para comandar os treinos do Londrina, onde é técnico. Já na terça-feira (27), o técnico acompanhou os atletas durante o dia e realizou os trabalhos presencialmente.

Na quinta-feira (29), às 15h, ele participará de entrevista coletiva para comentar seus planos para o time em 2023. Sem data confirmada para sua volta a São Paulo, o ex-goleiro deve visitar o Rei novamente na folga do Ano Novo, no final da semana.

Também na quinta, Pelé completará um mês de internação. Em 29 de novembro, o ex-jogador compareceu ao hospital para reavaliar seu tratamento quimioterápico contra um câncer de cólon e investigar um quadro de infecção respiratória que apresentava.

A estadia se estendeu e, em 3 de dezembro, Pelé parou de responder aos tratamentos da quimioterapia, passando a ficar sob cuidados paliativos exclusivos. A partir desse momento, a quimioterapia foi suspensa e ele passou a receber apenas medidas de conforto, para aliviar a dores e desconfortos.

Seu estado de saúde piorou, conforme divulgado em boletim do hospital na última quarta-feira (21). De acordo com o texto, Pelé precisa de cuidados relacionados a disfunções renal e cardíaca.
Até o começo da tarde desta quarta-feira, não há novas atualizações sobre o estado de saúde do Rei.

Fonte: Folhapress/Paola Ferreira Rosa

Imprimir