Cidadeverde.com
Últimas

Primeira edição do Turbulência Encontros de Danças estreia em janeiro em Teresina

Imprimir

Foto: Ascom/Divulgação

Se um corpo em movimento se comunica, que tipo de ruídos ele busca produzir? Quais inquietações quer lançar no mundo? Pensar em danças que fazem vibrar ideias e conceitos é a proposta do Turbulência Encontros de Danças, que acontece entre os dias 17 e 20 de janeiro em Teresina.

Com apresentação de trabalhos em processo, estreia de espetáculo, oficina de criação em dança e residência artística, o encontro tem programação gratuita e acontece na Escola Estadual de Dança Lenir Argento e na Biblioteca Estadual Cromwell de Carvalho. O encontro inicia no dia 09 de janeiro com a residência artística AT(R)ACAR e tem sua programação de apresentações, converseiro e mostra a partir do dia 17.

O objetivo é conectar criação, produção e formação, para fomentar a continuidade do fazer artístico e cultural em dança e suas conexões.

Turbulência é agitação, ruído, desassossego – e não necessariamente algo ruim. Pensar em turbulências de corpos é sentir suas vibrações e como se lançam no mundo, como seu movimento ecoa, quais ruídos produzem e quais questões problematizam.

A programação do Turbulência Encontros de Danças é dividida entre a Oficina “The World”, a Mostra Turbulência, o Converseiro Turbulento e as Residências de Criação “Sorria” e AT(R)ACAR.

A oficina “The World” é aberta ao público a partir de 17 anos e será realizada do dia 17 a 20 de janeiro, das 15h às 18h, na Escola Estadual de Dança Lenir Argento. Já a residência AT(R)ACAR acontece entre os dias 09 e 18 de janeiro, das 15h às 18h, com Datan Izaká/Redemoinho de Dança. Podem participar pessoas com alguma experiência em dança a partir de 16 anos. E do dia 09 a 15 de janeiro, o Turbulência Encontros de Danças também realiza a residência de criação do espetáculo "Sorria" com Amanda Oliveira, Hellen Mesquita, Ireno Júnior e Samuel Alvís/Danças Que Temos Feito.

A Mostra Turbulência acontece na Biblioteca Estadual Cromwell de Carvalho e vai apresentar os trabalhos em processo Maior que Nós, de Cleyde Silva (PI) e Mulher Melancia, de Janaína Lobo (PI) no dia 18 de janeiro, a partir das 19h. Já os trabalhos em processo Cangalha, de Josivan Luzes (PI), e AT(R)ACAR, de Datan Izaká/Redemoinho de Dança (PI), acontecem no dia 19 de janeiro, também a partir das 19h. No dia 20 a Mostra Turbulência apresenta a estreia do espetáculo “Sorria”.

Por sua vez, o Converseiro Turbulento, que acontece no dia 20 de janeiro às 20h, tem como público-alvo artistas participantes, equipe e público do encontro, enquanto a mediação fica por conta dos artistas e pessoas diretoras do Turbulência, Ireno Júnior e Samuel Alvís.

A programação completa do Turbulência Encontros de Danças está disponível nas redes sociais da plataforma Danças Que Temos Feito, no instagram @dancasquetemosfeito.

Turbulência Encontros de Danças é uma realização da Plataforma de Criação, Produção e Formação "Danças Que Temos Feito", através do Projeto Turbulência, aprovado pelo Sistema de Incentivo Estadual à Cultura (SIEC) 2022, Secretaria de Estado de Cultura e Armazém Paraíba.

 

 
Da Redação 
Imprimir