Cidadeverde.com
Últimas

Rafael Fonteles reúne gestores da Saúde e diz que não irá tolerar negacionistas

Imprimir
  • 07.jpg Divulgação/CCom-PI
  • 06.jpg Divulgação/CCom-PI
  • 05.jpg Divulgação/CCom-PI
  • 04.jpg Divulgação/CCom-PI
  • 03.jpg Divulgação/CCom-PI
  • 02.jpg Divulgação/CCom-PI
  • 01.jpg Divulgação/CCom-PI

O governador Rafael Fonteles (PT) reuniu todos os diretores dos hospitais regionais na tarde desta quinta-feira (19), no Palácio de Karnak. No encontro, o chefe do Executivo teve o primeiro contato com os novos gestores e deu as primeiras orientações. "Não vamos tolerar negacionismo e quem não segue a ciência", afirmou. 

Na reunião, Fonteles também garantiu a ampliação dos investimentos nos serviços de atenção primária, telemedicina e melhores condições de trabalho para os profissionais da saúde. Além disso, o governador fez questão de salientar aos gestores que "com saúde não se pode fazer política partidária". 

A reunião também conta com a participação do secretário estadual de Saúde, Antônio Luiz. Segundo ele, o objetivo do encontro é proporcionar o primeiro contato entre os novos diretores ao governador para o alinhamento entre a gestão dos hospitais, Sesapi e o plano de governo para os próximos quatro anos.

“O governador vai passar para ele as orientações de cumprimento das metas durante os quatro anos. A principal meta que vai ser apresentada será a de tratar as pessoas que procuram hospital com dignidade. Também vamos trabalhar para reduzir as filas da forma mais rápida possível”, frisou o secretário.

Foto: Renato Andrade/Cidadeverde.com

Recém nomeado para a direção do Hospital Regional Tibério Nunes, em Floriano, Gabriel Silva disse que ainda está fazendo o levantamento das principais necessidades da unidade, mas reconhece que uma das principais demandas diz respeito à melhoria estrutural e diminuição da espera por procedimentos cirúrgicos.

“Sabemos que a pasta da saúde é um ponto desafiador por si só. Os principais percalços são as filas e alguns feitos que precisamos fazer na área de infraestrutura predial dos hospitais. As cirurgias de fato são um grande gargalo, a demanda do público existe e precisa da nossa atenção”, afirmou o gestor.

Foto: Renato Andrade/Cidadeverde.com

Antes da reunião com os diretores dos hospitais , Rafael Fonteles também esteve em uma audiência com os secretários de Planejamento, Washington Bonfim, de Educação, Washington Bandeira, e os 21 gerentes regionais e os quatro superintendentes de educação no Estado para discutir as metas prioritárias da pasta.

 

Flash Yala Sena
[email protected]

Imprimir