Cidadeverde.com
Últimas

Semar notifica Centro de Zoonoses sobre morte de cavalo; MP também investiga

Imprimir

Foto: reprodução

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Hídricos do Piauí (Semar-PI) notificou, através de ofício na sexta-feira (20), o Centro de Controle de Zoonoses de Teresina a prestar esclarecimentos sobre o vídeo que circula nas redes sociais envolvendo a morte de um cavalo durante uma ação de captura.

O caso aconteceu na última quarta-feira (18), no bairro Buenos Aires, Zona Norte da capital. A denúncia dos moradores é de que o animal foi enforcado por manejo inadequado da equipe de captura, ocasionando o óbito do cavalo.

O secretário de Estado de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Daniel Oliveira, garante que tomará todas as medidas cabíveis. “Assim que tomamos conhecimento do vídeo, iniciamos o acompanhamento do caso e já notificamos o Centro de Zoonoses para apurar o que aconteceu. Nossa preocupação é com o bem-estar e proteção dos animais e do meio ambiente” frisa.

A Semar-PI informou que seguirá apurando a eventual responsabilidade quanto à prática de conduta lesiva ao meio ambiente que configure ato de abuso ou maus-tratos, conforme previsto no Art. 32 da Lei N. 9.605/1998.

MP TAMBÉM INVESTIGA CASO 

A 24ª Promotoria de Justiça de Teresina, especializada na defesa do meio ambiente e patrimônio histórico e cultural instaurou o procedimento com vistas a elucidar o ocorrido. Inicialmente, solicitou-se atuação conjunta com o Conselho de Medicina Veterinária do Estado do Piauí (CRMV), com solicitação de perícia e informações.

Foram oficiados ainda o Centro de Zoonoses de Teresina e a Secretaria Municipal de Meio Ambiente também para apresentarem esclarecimentos e informações. O MPPI atua visando apurar o ocorrido e apurar a responsabilidade sobre o fato.

 

Paula Sampaio
[email protected]

Imprimir