Cidadeverde.com
Últimas

Centro de Equoterapia de Teresina passa por obra reforma e ampliação

Imprimir

Foto: Ccom

O secretário de Estado da Segurança Pública, Chico Lucas, o comandante-geral da PM, coronel Scheiwann Lopes, e o secretário de Estado para Inclusão da Pessoa com Deficiência (Seid), Mauro Eduardo, visitaram na sexta-feira (20), as obras de reforma e ampliação do Centro de Equoterapia de Teresina.

O centro está localizado na sede do Esquadrão Independente de Policiamento Montado (Eipmont), a Cavalaria da PM, onde é realizado este trabalho social e de saúde pública com a equipe multidisciplinar.

Além da unidade da capital, com a obra executada pela Secretaria de Estado da Educação (Seduc), com recursos da Seid, também está sendo reformada a sede da Equoterapia de Parnaíba, em parceria com a Secretaria de Estado da Infraestrutura (Seinfra).

Na oportunidade, foi anunciada ainda a implantação de um novo Centro e Equoterapia no município de Floriano, descentralizando ainda mais os serviços.

O secretário da Seid, Mauro Eduardo, destaca que a equoterapia vem melhorando a vida de pessoas com deficiência há anos. “Tenho certeza que essa reforma vai melhorar ainda mais os atendimentos, além do trabalho dos profissionais do local. Nosso objetivo é concluir a reforma o mais breve possível”, disse o gestor.

Para o secretário Chico Lucas, é de extrema felicidade esta parceria da Polícia Militar com a Seid. “Vamos ampliar essa estrutura e mostrar para a população que esta é uma preocupação do Governo do Estado, atenção às pessoas com deficiência e às crianças. E por meio desses homens e mulheres que compõem a cavalaria, a PM vem contribuindo para melhorar a vida dessas crianças que precisam de uma atenção especial”, destacou o gestor.

Equoterapia

A equoterapia é um método de reabilitação terapêutico, regulamentada pela lei 13.830 de 2019, que utiliza o cavalo dentro de uma abordagem interdisciplinar, com foco nas áreas da equitação, saúde e educação, buscando o desenvolvimento biopsicossocial de pessoas com deficiência e/ou necessidades especiais. O projeto é realizado desde 2004, por meio da parceria entre a Seid e a Polícia Militar do Piauí.

 

Da Redação
[email protected]

Imprimir