Cidadeverde.com

Como estão os 26 de Tite um mês após o retorno dos campeonatos europeus

Imprimir

Os campeonatos europeus retornaram há cerca de um mês depois da paralisação para a Copa do Mundo do Qatar e, enquanto alguns jogadores que formaram a seleção brasileira de Tite no mundial têm se destacado, outros estão em baixa.

Casemiro é o maior destaque. Ele lidera o grupo em minutos jogados (804), está invicto desde então com nove vitórias e um empate e somou sete participações em gols: três bolas nas redes e quatro assistências.

Ainda no United, Fred segue somente como opção no banco. Dos 11 jogos em que atuou após a Copa, só foi titular duas vezes. Ele somou 316 minutos, mas brilhou na última partida marcando um gol e dando uma assistência ele tem dois gols e duas assistências no total.

Neymar foi titular mais vezes que Mbappé e Messi. O craque brasileiro atuou em seis dos oito jogos do PSG, enquanto Mbappé e Messi jogaram cinco e quatro, respectivamente. Neymar marcou dois gols e deu quatro assistências.

Pedro lidera a artilharia do período com quatro gols em quatro jogos. O jogador do Flamengo ainda tem duas assistências e está empatado com Neymar com seis participações diretas em gols, atrás apenas de Casemiro que tem sete.

Assim como Casemiro, Raphinha e Weverton estão invictos. Ao contrário do goleiro do Palmeiras, o atacante do Barcelona está longe de ser intocável e foi titular em cinco dos nove jogos que participou, mas conseguiu cinco participações em gols (duas bolas nas redes e três assistências).

Com Raphinha, o Barça venceu sete partidas e empatou duas.

Antony e Martinelli estão à frente de Rodrygo. Os jogadores de Manchester United e Arsenal foram titulares na maior parte dos jogos após a Copa do Mundo, enquanto Rodrygo atuou desde o início em somente quatro dos nove jogos do Real até aqui. 

Os três, porém, estão rigorosamente empatados em participações em gols, com dois cada e uma assistência.

Vini Jr segue intocável no Real Madrid. Ele foi titular em oito jogos e, no grupo brasileiro, só perde para Casemiro em minutos em campo. Vini segue lutando contra o racismo, driblando e marcando gols: foram dois, além de uma assistência.

Danilo se tornou intocável e líder, enquanto Alex Sandro está em baixa na Juventus. O lateral-direito de Tite na Copa se tornou zagueiro no Itália e vem recebendo elogios.

Ele marcou dois gols nos seis jogos que fez. Alex Sandro, que tem contrato no fim, atuou somente em metade das partidas.

Lesionados, Alex Telles e Gabriel Jesus ainda não voltaram a atuar. O mesmo vale para Daniel Alves, preso em Barcelona acusado de estupro em uma boate.

Tite ainda não definiu seu futuro. Ele rejeitou recentemente uma proposta da seleção da Coreia do Sul, eliminada pelo Brasil nas oitavas de final da Copa do Qatar. O treinador entende que ainda não é o momento de voltar à beira do gramado.

EDER TRASKINI
SANTOS, SP (UOL/FOLHAPRESS)

Você pode receber direto no seu WhatsApp as principais notícias do CidadeVerde.com
Siga nas redes sociais