Cidadeverde.com

Polícia prende suspeito de envolvimento na queima de ônibus na zona Norte de Teresina

Imprimir

Fotos: Reprodução/Polícia Civil do Piauí 

Por Rebeca Lima 

O Departamento de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) prendeu, na noite desta quinta-feira (14), na Vila Mocambinho, o suspeito de ser um dos responsáveis por adquirir o combustível que foi utilizado na queima dos ônibus durante um ato criminoso ocorrido no dia 17 de abril deste ano, em Teresina.

Veja também:

De acordo com a Polícia Civil, o cumprimento do mandado de prisão contra E. M. da C. foi realizado durante a Operação Draco 63, na qual policiais realizaram abordagens e blitzes na zona Norte da capital.

“Como parte desse processo de monitoramento permanente de todas as regiões onde o Draco já deflagrou operação, estivemos com todas as equipes do departamento na zona Norte da capital realizando esse trabalho ostensivo e damos cumprimento ao mandado de prisão. Esse indivíduo já era investigado pelo Draco desde a época da queima dos ônibus aqui nesse local, inclusive ele foi um dos responsáveis por adquirir o combustível que foi utilizado na queima daqueles veículos”, esclareceu o delegado Charles Pessoa, coordenador do Draco.

Ainda segundo a polícia, investigadores apontam que os ataques aos ônibus em Teresina foram organizados por criminosos que atuam na Vila Mocambinho.

Entenda o caso

Na noite do dia 17 de abril, cinco ônibus foram incendiados em Teresina. Foram presas 11 pessoas, sendo seis suspeitos de participarem diretamente nos incêndios; na residência de um deles havia combustível e um veículo roubado. Outros cinco foram presos com armas e drogas.

Você pode receber direto no seu WhatsApp as principais notícias do CidadeVerde.com
Siga nas redes sociais