Cidadeverde.com

Mansão que foi de Brad Pitt e Angelina Jolie em Nova Orleans irá a leilão

Imprimir

Crédito: FramePhoto/Folhapress

Uma histórica mansão do século 19, que já foi de propriedade de Brad Pitt e Angelina Jolie, irá a leilão. A propriedade luxuosa está localizada no French Quarter (o Quarteirão Francês), uma dos bairros mais tradicionais de Nova Orleans, no estado Luisiana, Estados Unidos, e o lance inicial será de US$ 1 milhão, aproximadamente R$ 5 milhões.

Brad e Jolie compraram o imóvel por US$ 3,5 milhões, em 2006. Após a separação, em 2016, a mansão foi vendida por US$ 4,9 milhões passando por várioss proprietários, entre eles, o co-fundador da Microsoft, Paul Allen. Foi nessa mansão que Pitt criou a fundação Make It Right para ajudar vítimas do furacão Katrina, que devastou boa parte da cidade, um ano antes da casa ser comprada pelo casal.

Construída em 1828 e reformada em 2017, a mansão conta com sete quartos, escritório, cinco banheiros, cozinha, sala de estar e jantar, além de uma casa de hóspedes e uma área ampla de lazer com piscina.

Em agosto, Pitt e Jolie assinaram o divórcio sete anos após separação. De acordo com o site "In Touch Weekly", Angelina não só assinou o documento como concordou em ir à mediação para resolver os processos judiciais envolvendo o ex-casal.

O caso se estendeu ao longo dos anos pela disputa de guarda dos filhos (Maddox, Pax, Zahara, Shiloh e os gêmeos Knox e Vivienne), denúncias de abuso por parte do ator e, principalmente, pela venda do Château Miraval, uma propriedade de 990 acres localizado no sul da França.

 

Folhapress

Você pode receber direto no seu WhatsApp as principais notícias do CidadeVerde.com
Siga nas redes sociais