Cidadeverde.com

Homem é condenado a 14 anos de prisão por tentativa de homicídio em Palmeiras do Piauí; vítima ficou paraplégica

Imprimir

Por Adriana Magalhães

Um homem identificado como José Cloves Santana Pessoa foi condenado a 14 anos e 10 meses de prisão por tentativa de homicídio contra Manoel Messias Ferreira de Oliveira. O crime aconteceu no dia 25 de dezembro de 2009, no município de Palmeiras do Piauí, localizada a 571 quilômetros de Teresina.

Segundo a acusação, José Cloves atirou em Manoel Messias utilizando um revólver calibre 38. O tiro atingiu as costas da vítima e ele ficou paraplégico.

José Cloves foi condenado por tentativa de homicídio duplamente qualificada, por motivo fútil e sem possibilidade de defesa para a vítima. A pena deve ser cumprida em regime fechado, mas José Cloves encontra-se foragido desde 2018, quando teria esfaqueado e matado o irmão de Manoel Messias, Cleidimar Ferreira de Oliveira, 35 anos.

Cleidimar foi morto com uma facada no peito na localidade Belo Monte, na zona rural de Palmeiras do Piauí. Segundo as testemunhas, José Cloves se aproximou de Cleidimar em uma festa enquanto a vítima dançava e desferiu a facada. Ainda segundo as testemunhas ouvida pela polícia à época, não houve discussão entre vítima e suspeito.


Cleidimar foi morto em 2018, quando dançava em uma festa 

Você pode receber direto no seu WhatsApp as principais notícias do CidadeVerde.com
Siga nas redes sociais