Cidadeverde.com

Santos goleia Brusque e retoma ponta da Série B; Patati faz 1º gol na Vila

Imprimir

O Santos venceu o Brusque por 4 a 0, neste domingo (19), na Vila Belmiro, em partida válida pela sexta rodada da Série B do Brasileiro.

Foto - Raul Baretta - Santos FC

Com o resultado, o Peixe chega a 15 pontos e retoma a liderança da competição, deixando o Goiás, com 14 pontos, na segunda colocação.

Weslley Patati, Giuliano, Willian Bigode e Morelos marcaram os gols do Peixe. Patati, que se tornou profissional em julho de 2022, fez o primeiro jogo como titular e marcou o seu primeiro gol com a camisa do Alvinegro Praiano - ele também havia anotado em um amistoso contra o time chinês Shanghai Shenhua, em fevereiro.

Por conta dos conflitos causados por torcedores na última rodada do Brasileiro passado, o Santos havia sido punido pelo STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) e seria obrigado a jogar com portões fechados na Série B, mas conquistou uma liberação do tribunal para receber torcedores. 

A condição do STJD é que o Peixe reverta a renda da partida em doação para os atingidos pelas enchentes no Rio Grande do Sul. A renda foi de cerca de R$ 736 mil.

O Santos venceu o Brusque por 4 a 0, neste domingo (19), na Vila Belmiro, em partida válida pela sexta rodada da Série B do Brasileiro.

Com o resultado, o Peixe chega a 15 pontos e retoma a liderança da competição, deixando o Goiás, com 14 pontos, na segunda colocação.

Weslley Patati, Giuliano, Willian Bigode e Morelos marcaram os gols do Peixe.

Patati, que se tornou profissional em julho de 2022, fez o primeiro jogo como titular e marcou o seu primeiro gol com a camisa do Alvinegro Praiano - ele também havia anotado em um amistoso contra o time chinês Shanghai Shenhua, em fevereiro.

Por conta dos conflitos causados por torcedores na última rodada do Brasileiro passado, o Santos havia sido punido pelo STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) e seria obrigado a jogar com portões fechados na Série B, mas conquistou uma liberação do tribunal para receber torcedores. 

A condição do STJD é que o Peixe reverta a renda da partida em doação para os atingidos pelas enchentes no Rio Grande do Sul. A renda foi de cerca de R$ 736 mil.

Fonte: UOL/FOLHAPRESS

Você pode receber direto no seu WhatsApp as principais notícias do CidadeVerde.com
Siga nas redes sociais