Cidadeverde.com

Copa América terá substituição extra por lesão na cabeça e concussão

Imprimir

O regulamento da Copa América foi alterado e agora passa a prever uma substituição extra, em caso de trauma na cabeça ou concussão de algum jogador.

A Conmebol anunciou o acréscimo no regulamento da competição, replicando o que acontece em alguns torneios, como o Brasileirão.

As seleções podem fazer cinco substituições regulares e ganham direito a mais uma troca, se ocorrer algum problema na cabeça do jogador.

Na hora da substituição, o médico deve entregar ao árbitro um cartão rosa, diferente da cor usada para substituições convencionais.

Se uma seleção fizer essa alteração, a equipe adversária passa a ter direito à sexta troca também.

O jogador que for substituído por concussão ou tenha suspeita disso não pode participar de disputa de pênalti ou voltar ao jogo. Ele terá que ir ao vestiário ou a um centro médico.

Depois do jogo, o departamento médico da seleção terá que enviar um relatório à Conmebol.

Fonte: UOL/FOLHAPRESS

Você pode receber direto no seu WhatsApp as principais notícias do CidadeVerde.com
Siga nas redes sociais