Cidadeverde.com

Sesapi trabalha pela reabertura Hospital Nossa Senhora de Fátima

Foto: Sesapi


A Secretaria de Estado da Saúde(Sesapi) está trabalhando para  reativar o Hospital Nossa Senhora de Fátima, em Parnaíba para atendimento exclusivo da Covid-19, como um anexo do Hospital Dirceu Arcoverde(HEDA). Com a reabertura, haverá a ampliação do número de leitos na região para o combate à pandemia. 

A analise da situação e o estabelecimento de medidas que viabilizem a abertura foram feitas durante uma videoconferência entre o Secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto; a Secretária Municipal de Saúde de Parnaíba, Leidiane Pio e o Superintendente de Gestão de Média e Alta Complexidade da Sesapi, Alderico Tavares.

Participaram também da reunião virtual membros da equipe técnica da Secretaria Municipal de Saúde de Parnaíba; a diretora do Hospital Dirceu Arcoverde (HEDA), de Parnaíba, Marisa Corrêa; diretora da Policlínica de Parnaíba, Adrizia Fontenele; diretora da Unidade de Atendimento Covid-anexo ao HEDA, Bernadete Leal e a diretora administrativa do HEDA, Janailda Furtado.

O corpo técnico das duas secretarias está trabalhando na organização de medidas que garantam oxigênio na Unidade, que hoje não conta com um reservatório adequado de gases, além disto, amanhã, deverá estar concluído todo Plano de trabalho conjunto e apresentada aos setores jurídicos de ambos os órgãos uma minuta do termo de parceria.

Durante a reunião, o secretário Florentino falou sobre os investimentos que o Governo do Estado e a Sesapi vêm fazendo no Hospital Dirceu Arcoverde(HEDA), em Parnaíba para o enfrentamento da Covid-19. A Secretária de Parnaíba relatou que o Hospital Nossa Senhora de Fátima, até então mantido pela Prefeitura, está com as atividades hospitalares paralisadas, mantendo apenas centro de testagem e ambulatório e expôs as dificuldades para manter o serviço e ressaltou a grande importância da parceria. 

O  secretário Florentino Neto garantiu que o Governador Wellington Dias já  dialogou com o Prefeito de Parnaíba, recentemente , sobre a questão e que cabe a todos buscarem uma solução para o problema. “Nós temos apenas um inimigo comum, que é a COVID-19”, afirmou o gestor.

Da Redação
[email protected]