Cidadeverde.com

Câmeras flagram detentos no telhado de presídio durante tentativa de fuga

Câmeras de segurança flagraram detentos no telhado da Penitenciária Mista de Parnaíba, no Norte do Estado, durante tentativa de fuga. Os presos saem de um buraco, correm sobre as telhas e em seguida saltam. Contudo, o plano de fuga não deu certo e os detentos foram interceptados por policiais penais antes de conseguir escalar o muro.

O caso ocorreu na tarde desta segunda-feira (12). As imagens mostram que na tentativa de fuga, os detentos quebram algumas telhas e chegam a ficar com o pé preso. Na sequência, aparece um policial penal armado que impede a fuga. 

 De acordo com o Sindicato dos Policiais Penais do Piauí (Sinpoljuspi), o presídio tem a maior taxa de superlotação no Piauí e abriga 550 presos. Inaugurado em 1990, após a adaptação feita em um antigo mercado público da cidade, na época, o local foi projetado para custodiar 147 presos. 

"Com paredes internas de tijolos comuns, teto de madeira, muros baixos e desprovidos de cerca elétrica, aliados à  superlotação e  baixo efetivo de policiais concorrem  para que a penitenciária seja uma das mais frágeis e inseguras do Piauí,  potencializando o aumento da criminalidade contra  os cidadão  trabalhadores residentes no litoral", denuncia o Sinpoljuspi.

A fuga flagrada por câmeras foi a segunda tentativa em dez dias. Anteriormente, oito presos tentaram fugir e também foram impedidos por ação rápida dos policiais penais.

 

Sejus se manifesta

Sobre a tentativa de fuga ocorrida na tarde dessa segunda-feira (12), na Penitenciária Mista Juiz Fontes Ibiapina, em Parnaíba, a gerência da unidade informa que os presos foram interceptados no momento da ação e não obtiveram êxito na ação. 

A Secretaria de Justiça esclarece, também, que reconhece a superlotação, inerente não somente ao Piauí, mas ao sistema prisional brasileiro. A Sejus informa que já teve projeto aprovado pelo Departamento Penitenciário Nacional para a construção de uma nova unidade na região Norte do Estado e que abrirá processo de licitação nos próximos dias.

 

Graciane Araújo
[email protected]