Cidadeverde.com

Padrasto é preso após suspeita de estuprar enteadas deficientes

Um homem identificado como Sebastião Alves Marques foi preso na última sexta-feira (11), em Tutóia (MA) sob suspeita de estuprar duas meninas com idade entre 12 e 13 anos. As vítimas possuem deficiência física e seriam enteadas do suspeito. Ele, a mãe das garotas e as meninas moram em Ilha Grande, no litoral do Piauí.

O mandado de prisão foi expedido pela juíza da Vara de Execuções Penais da Comarca de Parnaíba, Maria do Perpetuo do Socorro Ivani de Vasconcelos. Uma equipe da delegacia regional de Parnaíba cumpriu a ordem judicial.

O homem foi denunciado pela própria esposa. A violência sexual, segundo a polícia ocorria em casa. As vitimas não podem andar.

Hérlon Moraes (Com informações e foto do Portal do Catita)
herlonmoraes@cidadeverde.com