Cidadeverde.com

Portaria habilita serviço de oncologia para Parnaíba

A Secretaria de Estado da Saúde tem se empenhado na ampliação e descentralização dos serviços de alta complexidade no Piauí, especialmente na área de oncologia. No ano passado, o Ministério da Saúde já havia sinalizado a autorização dos atendimentos de oncologia tanto em Parnaíba, como também no Hospital Universitário (HU), em Teresina.

Nessa quinta-feira(18), mais um avanço. O ministro da Saúde, Marcelo Castro, assinou a portaria de habilitação para implantar a Unidade de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon) em Parnaíba.

O secretário de Estado da Saúde, Francisco Costa, lembra que "em janeiro, o Ministério já havia anunciado o início dos atendimentos de oncologia no HU para o mês de abril e agora, com assinatura da portaria para Parnaíba, num esforço conjunto entre Estado e Governo Federal, seguimos nosso planejamento em ampliar e descentralizar os serviços de alta complexidade no Piauí. É mais conforto aos pacientes e familiares daquela região, que não vão mais precisar se deslocar para Teresina em busca de tratamento".

Com a implantação do serviço, Parnaíba ofertará a realização de exames, quimioterapia e cirurgias oncológicas. A Unacon terá capacidade de atender mensalmente 500 consultas especializadas de oncologia, 640 exames de ultrassonografia, 660 endoscopia, 240 colonoscopia e 200 exames de anatomias patológicas. A projeção de atendimento anual é de 650 cirurgias oncológicas e 5.300 procedimentos de quimioterapia.

A luta para implantar o tratamento oncológico na cidade de Parnaíba vem desde 2012, encabeçada pelo deputado federal Assis Carvalho que, por diversas vezes, esteve com os ministros Alexandre Padilha (ministro até 2012) e Arthur Chioro (ministro até 2015). As visitas foram sempre acompanhadas pelo prefeito de Parnaíba, Florentino Neto, e pelo secretário de Estado da Saúde, Francisco Costa, com o objetivo de beneficiar a população da região, que inclui municípios piauienses e também do Maranhão e Ceará.

A estimativa é atender 666.194 pessoas dos territórios da Planície Litorânea e Cocais. Além da população do Piauí, outros 27 municípios do Maranhão estão aptos a recorrerem aos serviços do Sistema Único de Saúde (SUS) em Parnaíba.

 

Da Redação
redacao@cidadeverde.com