Cidadeverde.com

Mulher é presa, finge estar grávida e morde policial em Parnaíba

Jaqueline da Conceição Sousa foi detida por perturbação na noite dessa quinta-feira (16), no bairro João XXIII, Parnaíba, litoral piauiense. Policiais do 2º Batalhão de Polícia Militar chegaram ao local e encontraram a mulher embriagada, com uma faca e bastante alterada. Ela mentiu dizendo estar grávida e ainda mordeu um policial durante a condução à delegacia. 

Os militares chegaram ao endereço e se depararam com a mulher, residente à rua Guaporé, bairro Pindorama, que na ocasião estava visivelmente embriagada e alterada em posse de uma faca tipo de açougue.

Jaqueline recebeu a ordem de prisão e começou a agredir verbalmente os policiais, dizendo que estava grávida e que iria perder a criança, momento que deu uma mordida no braço de um dos soldados que estavam no local. 

Uma viatura composta por uma policial feminina foi solicitada para fazer uma revista minuciosa em Jaqueline, que insistiu dizendo estar grávida, sendo levada ao hospital, onde se constatou que ela havia mentido. 

No trajeto para central de flagrantes, Jaqueline começou a cuspir nos policiais e novamente os agrediu verbalmente. O delegado plantonista autorizou o cartório criminal a fazer o procedimento de um Termo Circunstanciado de Ocorrência-T.C.O, por Desacato e Resistência à Prisão,

Jaqueline passou a noite na delegacia e foi liberada nesta manhã de sexta-feira (17). Ela aguardará posteriormente a convocação da justiça para responder pelos atos. 

 

Com informações do Portal do Catita
redacao@cidadeverde.com